A loja que funciona ao contrário

Buscar

Comunicação

Publicidade

A loja que funciona ao contrário

Ação da Loducca para fundo social cria espaço onde as prateleiras vão enchendo ao invés de esvaziarem. Entenda


5 de abril de 2013 - 11h15

 Uma loja de vidro com prateleiras e cabides vazios será inaugurada na próxima terça-feira, 9, no Shopping VillaLobos, em São Paulo.

Para quem não entendeu nada, a explicação é simples: a ação, criada pela Loducca, vai incentivar as pessoas a doarem roupas para a Campanha do Agasalho do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (Fussesp).

“Trata-se de uma inversão da dinâmica do consumo em shoppings, na qual as pessoas entram sem sacolas e saem com várias. A ação incentiva as pessoas a chegarem ao VillaLobos com sacolas cheias e por uma ótima causa”, diz Guga Ketzer, sócio e vice-presidente de criação da Loducca.

O projeto chamado de “A loja vazia” receberá contribuições até o dia 21 de abril. Os clientes poderão, inclusive, ajudar na decoração do espaço, indicando onde as peças doadas poderão ficar. O espaço terá araras, prateleiras e manequins.

A consultora de moda Bia Paes de Barros assinará os looks dos manequins da vitrine com as peças recebidas. O objetivo é reforçar a importância da qualidade das roupas doadas: não precisam ser fashion, mas têm de estar limpas e em bom estado — afinal, serão utilizadas por outra pessoa.

wraps

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”