Filme com cena de sexo é banido do Superbowl

Buscar

Comunicação

Publicidade

Filme com cena de sexo é banido do Superbowl

Vídeo criado pela Peta compara o desempenho de um casal vegano e um carnívoro na cama


29 de janeiro de 2016 - 11h48

A organização Peta (People fot the Ethical Treatment of Animals), que defende os animais de maus-tratos, lançou um comercial polêmico para o Superbowl. O filme defende o veganismo sob o viés sexual, com a intenção de atingir especificamente o público masculino.

O vídeo mostra dois casais na cama: um dos homens é adepto ao veganismo e consegue transar com sua parceira durante horas, enquanto o homem carnívoro logo se cansa, frustrando sua companheira. Ao final do filme, aparece a mensagem "Go Vegan" (seja vegano, em tradução livre do inglês).

Pelo teor das cenas, o vídeo não poderá ser transmitido no intervalo do Superbowl, que tem início em 7 de fevereiro. Assista: 

wraps

Essa não é a primeira vez que a Peta une os temas sexo e veganismo. Em 2009, o anúncio "Veggie Love" também foi banido do Superbowl. 

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”