Luiz Sanches presidirá júri de Film em Cannes

Buscar

Comunicação

Publicidade

Luiz Sanches presidirá júri de Film em Cannes

Sócio e CCO da AlmapBBDO substitui David Lubars, CCO da BBDO Worldwide, no comando do júri da categoria


21 de maio de 2018 - 10h35

Luiz Sanches presidirá o júri de Film (Crédito: Arquivo/M&M)

A menos de um mês do início do Festival Internacional de Criatividade de Cannes, uma mudança colocará um brasileiro no júri da mais tradicional das categorias do evento. Luiz Sanches, sócio e CCO da AlmapBBDO, foi convidado a presidir os trabalhos na categoria.

Sanches foi o nome escolhido para substituir David Lubars, CCO da BBDO Worldwide na América do Norte (rede a qual a AlmapBBDO pertence). O executivo, que havia sido anunciado como presidente de Film em janeiro, não participará mais do júri e, para preencher a posição, a organização do Cannes Lions escolheu o brasileiro.

A última vez que Luiz Sanches participou do júri de Cannes foi em 2016, quando avaliou os trabalhos da categoria Titanium & Integrated. Naquele ano, a AlmapBBDO recebeu o título de Agência do Ano do Festival.

Com a escolha de Sanches, são 25 o total de jurados brasileiros que participação da edição deste ano do júri do Cannes Lions. Desses, 20 foram selecionados para representar o País e outros 5 irão participar representando os países em que atuam. Além do criativo líder da AlmapBBDO, outro brasileiro também presidirá um dos júris do Festiva. Fernando Machado, CMO global do Burger King, irá presidir a análise dos trabalhos de Creative Effectiveness. O profissional, no entanto, representará os Estados Unidos.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • jurados

  • AlmapBBDO

  • Cannes Lions

  • Film

  • Luiz Sanches

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”