Cannes: exceção para Titanium e mais ‘live judging’

Buscar

Comunicação

Publicidade

Cannes: exceção para Titanium e mais ‘live judging’

Um dos Leões mais cobiçados do festival deixa de entrar na conta do limite de seis inscrições por peça

Isabella Lessa
8 de fevereiro de 2019 - 15h04

A organização do Cannes Lions anunciou, nesta sexta-feira, 8, que na edição de 2019 as peças inscritas na categoria Titanium não entrarão na conta do limite de seis inscrições por peça.

No ano passado, o festival estabeleceu a regra de que cada trabalho poderia ser inscrito em até seis categorias (as subcategorias dentro de cada uma dessas não entram nessa contagem, ou seja, cada trabalho pode concorrer a até 24 estatuetas, já que cada Leão tem, em média, quatro subcategorias).

A mudança tem o intuito de garantir a representatividade da indústria na premiação, pois, nos anos anteriores, não existia limite de inscrições por peça e, com isso, era frequente a entrega de vários Grand Prix para um único trabalho. Historicamente um dos Leões mais cobiçados do evento, o Titanium celebra cases que transformam a indústria.

Outra mudança é a ampliação da apresentação presencial dos cases ao júri. Também introduzida no ano passado, esta iniciativa passa a incluir, além de Titanium, Glass e Innovation, a categoria estreante Creative Strategy. Todos os cases finalistas nessas categorias serão submetidos a uma avaliação ao vivo do corpo de jurados.

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”