Outback celebra 15 anos de Brasil

Buscar

Marketing

Publicidade

Outback celebra 15 anos de Brasil

Referência em atendimento, rede de restaurantes tornou-se sucesso no mercado local e investirá mais de R$ 30 milhões para expandir a operação em 2013

Roseani Rocha
12 de novembro de 2012 - 8h35

Fundada nos EUA em 1988, a rede de restaurantes Outback, uma americana de inspiração australiana, está comemorando nesta segunda-feira, 12, seus 15 anos de Brasil. A primeira loja foi inaugurada na Barra da Tijuca, em 1997, e a rede deve fechar este ano com 41 unidades.

A maior parte das lojas (36) é concentrada em shoppings e cinco são de rua. Em 2013, serão inauguradas outras oito lojas, com investimento de R$ 4 milhões em cada uma. O Brasil tornou-se uma das operações mais rentáveis do Outback, presente em 22 países. Dos dez restaurantes mais rentáveis, nove são brasileiros; incluindo o líder mundial em participação no faturamento da empresa, que é a loja do Center Norte, na capital paulista.

Os três fatores que contribuíram para a marca cair no gosto do brasileiro são a ambientação das lojas, que trazem uma atmosfera aconchegante, à meia luz, o que faz as pessoas fugirem um pouco da realidade e torna o restaurante um point frequente de celebrações; a alta qualidade dos produtos e seu sabor diferenciado, e, por fim, ou acima de tudo, a obsessão por um atendimento que encante o cliente — se algum deles registrar uma reclamação no “fale conosco” receberá um contato do próprio dono da loja.

E desde fevereiro deste ano sua comunicação está a cargo de Antonio Marchese, que chegou à rede com a missão de contratar uma nova agência de publicidade e incrementar a presença digital da marca. A agência eleita para substituir a Ogilvy foi a Lew Lara. Para celebrar o momento “debutante” do Outback, a agência foi responsável pela criação do concurso cultural “Celebre seu momento na Austrália”, no Facebook, que levará um cliente, com acompanhante, ao país que inspirou a criação da rede. Outra promoção na rede social oferecerá 15 mil Bloomin Onions aos fãs da marca.

A mídia de massa é adotada de maneira mais estratégica e institucional. Já nas regiões próximas aos restaurantes, é feita a divulgação do cardápio de almoço, durante a semana, em telas instaladas nos escritórios de entorno das lojas. Isso porque o fluxo de clientes durante a semana é de executivos com poder aquisitivo que evitam as praças de alimentação, enquanto aos fins de semana é a vez de famílias e grupos de jovens.

Embora não divulgue faturamento específico no mercado brasileiro, a média de crescimento do Outback – que a rede pretende repetir este ano – é de 20%. Confira detalhes da história da marca no Brasil na edição desta semana do Meio & Mensagem (ed. 1535).

wraps

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”