Máquina troca recicláveis por ingressos

Buscar

Marketing

Publicidade

Máquina troca recicláveis por ingressos

A Copa Verde 2016 alia sustentabilidade e tecnologia com a Retorna Machine, que fornece entradas para os jogos em troca de garrafas PET e latas de alumínio


9 de março de 2016 - 10h20

Uma parceria entre a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o Grupo Stefanini, por meio da empresa de inovação Stefanini Inspiring, e a Triciclo, instituição criadora da Retorna Machine, resultou na criação de uma campanha para realizar a troca de garrafas PET e latas de alumínio por ingressos para jogos da Copa Verde 2016.

As máquinas para a realização da troca, as Retorna Machine, serão instaladas nas cidades onde ocorrerão os jogos. De 7 a 9 de março, no Macapá Shopping Center, em Macapá (AP), e na loja Fort Atacadista, no Shopping Norte Sul Plaza, em Campo Grande (MS). A própria máquina irá gerar e imprimir um voucher com código de barras, que deverá ser trocado pelas entradas para o estádio. De 14 a 16 de março, ela estará em Rio Branco (AC), e Manaus (AM). A Copa Verde 2016 será disputada por 16 equipes das regiões Norte e Centro-Oeste, além do Espírito Santo. Entre elas estão Remo, Paysandu e Vila Nova.

A disputa aborda questões de sustentabilidade para conscientização sobre problemas ambientais. A competição é carbono zero, com iniciativas sustentáveis e compensação de todo o CO2. Além do troféu convencional, o time vencedor receberá uma árvore da flora brasileira, a ser plantada na sede ou no Centro de Treinamento.

wraps

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”