Todo carro Tesla agora é autônomo

Buscar

Marketing

Publicidade

Todo carro Tesla agora é autônomo

Fabricante anuncia que sua linha completa saíra de fábrica com tecnologia para mover-se sem motorista

Igor Ribeiro
20 de outubro de 2016 - 11h07

A corrida pelo mercado de carros autônomos – ou self-driving cars, em inglês – contou com um novo e bombástico ingrediente, anunciado nessa quarta-feira, 19, pela Tesla. A fabricante americana noticiou que todos os seus modelos sairão de fábrica com tecnologia para mover-se sem motorista. O anúncio é válido para agora, e não num futuro próximo, como manda a cautela seguida por concorrentes.

tesla-self_driving575DIV

Cauteloso não é o melhor adjetivo para o CEO Elon Musk, um dos fundadores do PayPal e também presidente da SpaceX, que fabrica aviões comerciais para viagens orbitais. O executivo minimizou, por exemplo, o acidente causado pelo seu primeiro software para direção autônoma, o Autopilot. Numa conferência pela web para divulgar as novidades de seus carros, disse que o acontecido faz parte do processo de desenvolvimento e que a nova tecnologia é pelo menos duas vezes mais segura que o motorista médio. Através de atualizações periódicas do sistema, deve se tornar dez vezes melhor que uma pessoa dirigindo um carro.

A cautela vem, no entanto, no fato de que nem todos os dispositivos de direção autônoma estão disponíveis desde o primeiro momento que o carro é adquirido. Nos dois meses seguintes à compra o software opera no modo de “machine learning”, e updates nas semanas seguintes vão desbloquear, gradualmente, todo o potencial de navegação.

Musk chamou a nova tecnologia de “um supercomputador dentro de um carro”, capaz de realizar 12 trilhões de operações por segundo. Os dados processados são fornecidos por oito câmeras com visualização de 360°, capazes de enxergar até 250 metros de distância, mais 12 sensores ultrassônicos que dobram esse alcance e podem detectar diversas massas de objetos, além de um radar frontal capaz de ver através de chuva, neblina e poeira. Esse sistema é capaz de guiar o automóvel em estradas e ambientes urbanos.

O executivo prometeu que no próximo ano deverá colocar um de seus modelos para realizar uma viagem de teste de Los Angeles a Nova York, o equivalente a 4,5 mil quilômetros. Veja a seguir um vídeo com um carro Tesla rodando nas redondezas da sede da empresa, em San Francisco.

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”