Lu, do Magazine Luiza, assume bissexualidade

Buscar

Marketing

Publicidade

Lu, do Magazine Luiza, assume bissexualidade

Em ação para o Dia dos Namorados, assistente virtual da rede varejista vai dar match no Tinder tanto em homens quanto em mulheres

Luiz Gustavo Pacete
12 de junho de 2017 - 15h38

Atualizada 12/06 às 20h53

Em função do Dia dos Namorados, o Magazine Luiza ativou na tarde desta segunda-feira, 12, o perfil da Lu, sua assistente virtual, no aplicativo de encontros Tinder. Trata-se de uma ação no Tinder que consiste na distribuição de descontos e prêmios para pessoas que derem match com o perfil da assistente virtual da rede.

De acordo com a empresa, quem cruzar com o perfil da Lu pela rede social e “arrastar para a direita” vai ganhar descontos especiais no aplicativo do Magazine Luíza. Além disso, a assistente se assume bissexual já que vai dar match em homens e mulheres.

A ação foi desenvolvida pela agência David, nos Estados Unidos. De acordo com Ilca Sierra, diretora de marketing do Magazine Luiza, o foco são os usuários do Tinder e o objetivo é mostrar que a Lu, persona da marca, se relaciona com pessoas independentemente de gênero.

Questionada se a ação não poderia repercutir negativamente ou ser vista como oportunismo, Ilca explica que o cuidado está justamente no ambiente em que ela está inserida. “Não vemos uma ação de oportunismo já que existe um contexto. É Dia dos Namorados e temos a possibilidade de oferecer um benefício a usuários de um aplicativo cujo ambiente nos permite desenvolver essa ação”, diz Ilca.

Perfil da assistente virtual no Tinder foi ativado nesta segunda-feira 12 (Crédito: Divulgação)

A executiva conta que não é pretensão da marca expandir a ação para as outras plataformas. “Fora do Tinder, nas outras plataformas em que a Lu está, a questão de gênero não está com contexto. As outras redes, que não o Tinder, não são sobre esse assunto”, diz Ilca. Ela finaliza afirmando que a ação é pontual de Dia dos Namorados e que não terá nenhuma extensão relacionada ao mês do Orgulho LGBT.

Anteriormente, em seu blog, a Lu já tratou de temas relacionados à diversidade. Em junho de 2015, a assistente virtual celebrou a decisão da Suprema Corte dos Estados Unidos que aprovou o casamento entre pessoas do mesmo sexo em todo o território norte-americano. Em março deste ano, outro post no blog da assistente falava sobre a nova função do Facebook de permitir que as pessoas escolhessem o que quisessem como gênero.

Em nota enviada ao Meio & Mensagem, na noite desta segunda-feira, 12, o Tinder informou que “não possui relação com a criação da campanha”.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • chatbot

  • diadosnamorados

  • diversidade

  • Lu

  • magazineluiza

  • tecnologia

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”