Kond, da Kondzilla, é o novo diretor criativo de Orloff

Buscar

Marketing

Publicidade

Kond, da Kondzilla, é o novo diretor criativo de Orloff

Konrad Dantas, que chega para trazer um olhar mais jovem à marca nacional de vodca, afirma ao Meio & Mensagem que esse é um posicionamento que já queria para sua carreira

Victória Navarro
8 de fevereiro de 2019 - 14h23

Canal Kondzilla, do Kond, possui mais de 46 milhões de inscritos (crédito: divulgação)

Pelos próximos nove meses, o profissional por trás da holding Kondzilla — que engloba a produtora Kondzilla Filmes e a marca de roupas Kondzilla Wear — assume como diretor criativo de Orloff. Konrad Dantas, mais conhecido pela denominação Kond, que consolidou sua carreira no audiovisual como produtor e diretor, chega para trazer um olhar mais jovem à marca nacional de vodca, até então focada no consumo dentro de casa.

Responsável por impulsionar o funk na cultura popular, o diretor criativo objetiva ressaltar em seu trabalho para Orloff um olhar centrado na mistura de gêneros e pessoas do Brasil. “Ele, como diretor criativo, tem o papel de trazer insights, de nos ajudar a pensar um pouco na marca. Tudo será construído a quatro mãos. Vamos ter campanha digital e muitas ativações como eventos, muito importante para o nosso mercado. Até mesmo trade”, conta Sabrina Zanker, gerente de grupo de marca de White Spirits, da Pernod Ricard, conglomerado francês que atua no ramo de bebidas alcoólicas. 

A executiva de Orloff conta que a chegada de Kond foi uma escolha determinada durante o planejamento estratégico de Orloff. “Percebemos que a marca estava um pouco distante do público mais jovem, da geração Z. É uma marca extremamente consolidada, em termos de volume e categoria. Porém, em matéria de construção de marca, percebemos que estava quase que envelhecida, distante. Achamos que trazer uma pessoas como o Kond traria essa conexão, já que ele já tem isso. Isso ajudaria a desconstruir esse hiato”, explica. Para Sabrina, a Orloff afastou-se do público jovem por conta do foco estratégico anterior. “Estávamos muito voltados para o consumo dentro de casa, enquanto essa juventude está muito na rua e conquistando espaços públicos. Vamos reconectar com quem não estávamos falando, mas continuar o diálogo com todos os nossos consumidores”, diz. A parceria entre Kond e Orloff está sendo liderada pela Soko, agência da Flagcx, e CuboCC.

 

Backstage do primeiro trabalho de Kond para Orloff (crédito: divulgação)

Kond é fundador do canal Kondzilla e já produziu videoclipes e trabalhos com celebridades como Kevinho, MC Kekel, Charlie Brown Jr., Karol Conka, Racionais MCs, Tropkillaz e Preta Gil. Ele, ainda, é criador, ao lado de Guilherme Quintella e Felipe Braga, de Sintonia, série original do streaming Netflix.

Confira o que o Kond disse ao Meio & Mensagem sobre essa nova fase de sua carreira:

Meio & Mensagem – O que te motivou a aceitar essa união entre você e a Orloff?
Konrad Dantas – Já tem alguns meses, talvez um ano, que eu não estava mais assinando como diretor de criação na Kondzilla, porque eu não queria ter um título na minha própria companhia. Queria ser reconhecido por outra companhia como diretor de criação. Eu acho que ser um diretor de criação é conseguir sintetizar toda a parte do processo criativo. Tanto o processo criativo quanto a criação baseiam-se em referências e experiências. Eu estou muito apaixonado por esse projeto, porque era um posicionamento que eu já queria para a minha carreira, algo que eu já estava construindo fora da minha própria companhia.

Meio & Mensagem – Com o Brasil em 10º lugar entre os maiores mercados de vodcas, segundo levantamento da Euromonitor International, quais desafios e surpresas acha que encontrará como diretor criativo da Orloff?
Konrad Dantas – O maior desafio é converter toda a comunicação em venda, em consumo. Na verdade, não podemos romantizar tanto o discurso, porque toda a comunicação tem um objetivo, tem que entregar um resultado. O meu foco é ajudar a companhia a colher mais resultados, a ter resultados maiores e melhores do que os de antes da minha chegada. Dentro dos trabalhos que eu realizo, dos nossos vídeos e conteúdos, a vodca já era trabalhada. A vodca já era considerada um produto premium, considerada uma conquista, que quando você está celebrando algo, você celebra bebendo uma vodca. Acho que a tendência é unir isso tudo. Trazer o nome da Orloff para dentro dos conteúdos de modo que condense essas ideias para um público que eu já falo e da companhia, que eu ainda não comunicava.

Meio & Mensagem – Como funciona o seu processo criativo?
Konrad Dantas –
 Eu procuro pesquisar o máximo de coisas que eu posso. Fico na internet assistindo mil coisas. Eu gosto bastante de assistir documentário, porque explica o por quê das coisas. Gosta de saber porque as coisas dão certo e porque não. E, viver o máximo de experiências que eu posso, por exemplo, há dois anos, fui no cassino que filmou 007, em Mônaco, e, uma semana depois, fui na favela mais carente do Guarujá. Então, essas experiências de Mônaco e da favela, que não tem nem saneamento básico, significam transitar entre todos os mundos possíveis e imagináveis. 

Meio & Mensagem – Quais são suas expectativas? Já tem planos como diretor criativo da Orloff?
Konrad Dantas – A expectativa é atender as expectativas, porque, quando você faz um anúncio desse tamanho, cada um cria uma expectativa, cada um imagina que eu vou agregar de uma maneira diferente para a companhia e em verticais diferentes, seja de comunicação, seja de ativação, seja no evento, seja influenciando diretamente no foco e formato do produto. Eu vou dirigir algumas coisas também, porque uma das minhas atividades é ser diretor de cena. Também quero contar com outros diretores de cena, pessoas talentosas que eu acredito e confio. Não vou construir nada sozinho, na verdade, eu estou chegando para somar. Eu estou muito feliz, era isso que eu estava buscando para a minha carreira. E, agora que eu cheguei aqui, o importante é desempenhar, desenvolver o trabalho.

*Crédito da foto no topo: RawPixel/Pexels

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Kond

  • Konrad Dantas

  • Orloff

  • Criação

  • comunicacao

  • estratégia

  • Kondzilla

  • Konrad Dantas

  • Orloff

  • Kond

  • Vodca

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”