ANJ diz: “nunca se leu tanto jornal”

Buscar

Mídia

Publicidade

ANJ diz: “nunca se leu tanto jornal”

Em nova campanha, associação quer destacar o alto consumo de notícias em plataformas digitais e a credibilidade dos veículos jornalísticos


19 de agosto de 2015 - 11h48

A partir dessa quinta-feira, 20, a Associação Nacional de Jornais (ANJ), vai começar a dizer ao público que nunca se leu tanto jornal no Brasil como neste momento. A ideia é o mote da nova campanha da entidade, planejada pelo chairman do Grupo ABC, Nizan Guanaes, que se tornou embaixador da causa da mídia impressa no ano passado.

Segundo matéria publicada na edição desta quarta-feira, 19, da Folha de S.Paulo, a campanha da entidade irá frisar que o consumo do meio jornal aumentou muito se considerarmos que, o dia todo, as pessoas acessam os portais e sites das publicações em busca de informação. A credibilidade dos veículos jornalísticos também será destacada nas peças publicitárias, cuja mensagem principal será “Nunca se leu tanto jornal. Antes você lia jornal todo dia, hoje lê jornal o dia todo”.

Também de acordo com a reportagem da Folha, a campanha será veiculada até novembro e terá bastante dados e números acerca do consumo de notícias, tanto nos meios impressos como nas plataformas digitais.

A ANJ vem realizando diversos projetos na tentativa de melhorar o prestígio do meio jornal, que vem sofrendo quedas de circulação e também de investimento publicitário, o que já motivou o encerramento de operações de diversos títulos no País. Em julho, a associação começou a veicular as primeiras campanhas pela plataforma Digital Premium, uma rede de publicidade que integra os portais de 65 jornais, permitindo que todos exibam uma mesma campanha publicitária, simultaneamente. 

wraps

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”