Record terá de recontratar funcionários

Buscar

Mídia

Publicidade

Record terá de recontratar funcionários

Justiça do Rio de Janeiro determinou que a emissora reintegre cerca de 600 profissionais demitidos no final do ano passado


19 de fevereiro de 2016 - 4h43

A 44ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro determinou, por meio de uma decisão da juíza Joana de Mattos Colares, que a Record recontrate cerca de 600 profissionais demitidos no final do ano passado no RecNov, complexo de estúdios da emissora no Rio.

O prazo dado foi de 20 dias e, além das recontratações, a emissora está proibida de realizar novas demissões em massa com pena de multa diária de R$ 500 por trabalhador. Procurada, a Record não se pronunciou sobre o assunto. Cabe recurso da emissora sobre a decisão da Justiça.

Segundo a Folha de S.Paulo, o parecer da juíza foi possível em atendimento ao pedido do Sindicato dos Radialistas do Rio de Janeiro que alegou que a dispensa coletiva é ilegal. 

“O encerramento de atividades televisivas, além de não comprovado, não exclui a emissora de uma negociação coletiva com o objetivo de minimizar os prejuízos aos trabalhadores”, disse a juíza em sua decisão.

No ano passado, a produtora Casablanca assumiu a produção da continuação da novela Os Dez Mandamentos e o programa da Xuxa, anteriormente produzidos no RecNov.

wraps

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”