App que transforma notícia em GIF vence hackathon da Globo

Buscar

Mídia

Publicidade

App que transforma notícia em GIF vence hackathon da Globo

Virada tecnológica promovida pela emissora durou 33 horas no último fim de semana e reuniu 49 participantes


13 de abril de 2016 - 12h28

Um grupo de cinco jovens venceu a segunda edição do hackathon da TV Globo, realizado no último fim de semana, na casa do Big Brother, no Rio de Janeiro. Os criadores do projeto Ginfo, Ivan Seidel, Bruno Lemos, Guilherme Gonzalez, Fábien Oliveira e Ezequiel França, venceram a competição disputada com outros 44 participantes. O aplicativo transforma notícias em animação no formato GIF. Os criadores do Ginfo ganharam uma viagem ao Vale do Silício, nos Estados Unidos.

 

hackaton_globo

Participantes da segunda edição do hackathon da TV Globo

Dentre os trabalhos desenvolvidos durante a maratona surgiram soluções tecnológicas para a produção e distribuição de conteúdo no jornalismo, esporte e entretenimento. “A gente usa a tecnologia para tornar a vida das pessoas melhor, educando, informando e contando histórias. E fazemos isso colocando a tecnologia a serviço da produção de conteúdo e da distribuição do conteúdo por meio do hackathon”, disse aos participantes Paulo Henrique Castro, diretor de Tecnologia de Transmissão e P&D da Globo.

O hackaton foi conduzido pelo apresentador Felipe Andreoli e ao longo do fim de semana os participantes receberam a visita de Tiago Leifert, que explicou um pouco sobre storytelling e estrutura de apresentação, e uma prova, nos moldes das que acontecem no BBB, na noite de sábado.

Ginfo

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • felipeandreoli

  • tiagoleifert

  • ginfo

  • Globo

  • aplicativos

  • ginfo

  • hackathon

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”