Cuspindo para cima

Buscar


13 de maio de 2016 - 13h01

brasil-bandeiraÉ ético não se ter transparência sobre quanto custa o que se paga? E querer algo mais valioso do que o valor que se dá, é ético?

Usar o poder econômico para que se trabalhe de graça para você, é ético? E ganha-ganha onde só um lado ganha, é?

Fazer concorrência com cartas marcadas, é ético? Participar dela, é?

Cobrar fidelidade sendo infiel, é ético? E desconto superfaturado, é? Vender uma exclusividade que é exclusiva para todo mundo, é ético? E querer exclusividade quando exclusividade não se dá?

Exigir um novo modelo de negócio que só mude para os outros, é ético? E mascarar um totalmente novo onde nada muda, é?

Pedir uma produção com requintes de Game of Thrones quando não se tem verba nem para uma barraca de festa junina, é ético? E indicar repetidamente a produtora de Game of Thrones para fazer a festa junina, é? Cotação já cotada, é ético?

Começar o trabalho de um mês a dois dias da entrega e pedir mais prazo, é ético? E brifar o trabalho definido há um mês faltando dois dias para entregar, é? Pedir algo fora da caixa quando não se sai dela por nada desse mundo, é ético? E criar algo totalmente novo, mas que já foi veiculado há dois anos na Nova Zelândia, é?

Vender uma campanha que você não compraria, é ético? E reprovar uma só por que você não brifou, é?
Aprovar com aplausos e no dia seguinte reprovar por e-mail, é ético? E criar algo ruim só para aprovar, é?

Usar a pesquisa de muleta, é ético? E ignorar que a pesquisa pode estar certa, é? Tentar enganar a matemática para dar certo o que deu errado, é ético? E propor metas sabidamente inatingíveis, é?
Maltratar as pessoas e querer o melhor resultado, é ético? E ser o amigão e não trazer resultado nenhum, é?

É ético colocar a culpa do atraso de sempre no trânsito de sempre? E marcar reunião faltando uma hora quando a distância é de duas, é?

Comemorar recorde de views quando ninguém viu, é ético? E ganhar prêmio que já se ganhou de véspera, é?

Travestir desconhecimento em slides mirabolantes, é ético? E ser raso, mas querer profundidade, é?
Chamar de sócio sem sociedade, é ético? Querer ser dono, mas não apagar a luz, é?

Tratar recursos humanos como recursos, é ético?

Invadir a vida das pessoas com publicidade de mau gosto, é?

Se o nosso mercado fosse um país, ele seria o país que a gente tanto sonha?

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Brasil

  • etico

  • marketing

  • mercado

  • política

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”