Tanto aí, quanto aqui

Buscar

Opinião

Publicidade

Tanto aí, quanto aqui

Se tantas barreiras foram quebradas, como ainda parametrizar a qualidade profissional e o conhecimento por presença física ou geográfica? Me diga sua localização no Google Maps que te digo quão incrível você é. Risos


10 de outubro de 2018 - 14h25

Crédito: Vertigo3d/iStock

Aqui, onde vivo com minha família e tenho minha empresa de negócios de marketing, ou agência, como preferir, contrariando canção de Caetano Veloso (meu imenso respeito e admiração a Caetano) “…quando chegar em Americana, não sei o que vai ser”. Eu sei. Mas não foi nada fácil e demorou para eu saber. Transformar pressupostos em confirmações. Construir valioso repertório profissional. Tudo isso é exercício intenso de resiliência. De amor também.

Houve o tempo em que só era possível conhecer o melhor da propaganda ao receber a visita de uma caixeiro viajante e seu porta-malas repleto de obras de arte do design e da propaganda. Não era frequente. E era bem caro. Quando o acesso ao conhecimento, ao aprendizado acadêmico sobre o nosso mercado estava restrito às escolas ou às faculdades de propaganda distantes, no mínimo, 100 km de casa. Era suado. Cansativo. Quando as referências de profissionais e empresas, palestras ou encontros, agências de propaganda incríveis, inspiradoras, só podiam ser encontradas em São Paulo, na cidade do Rio, em Salvador, talvez. Foi uma época cascuda.

Manter contato, ter amigos ou conhecer pessoas em uma destas agências do mainstream seria como ser amigo íntimo do Elon Musk hoje. Le temps passé . Tudo isso se foi. Nada de saudosismo. Sem delongas sobre o que a internet, o poder e a democratização dos meios de comunicação e tecnologia permitiram às nossas vidas. Mudaram nosso mundo, ressignificaram e continuam pressionando novos sentidos e formas de trabalho. Empregabilidade ou empreendedorismo. Estão implodindo negócios e modelos de negócios. E se tantas barreiras foram quebradas, como ainda parametrizar a qualidade profissional e o conhecimento por presença física ou geográfica? Me diga sua localização no Google Maps que te digo quão incrível você é. Risos. Interior? Mais risos.

Vivendo e trabalhando, intensamente, deste lado Sudeste do estado de São Paulo, a pouco mais de uma hora da capital paulista em dias de trânsito saudável nas marginais, posso garantir: a designação “sou do interior” é tão obsoleta quanto aparelhos de fac-símile. Deixando as hipérboles de lado. Fatos: os princípios de um bom profissional de comunicação, na essência, nada mudaram desde sempre. Ter ideias incríveis, pertinentes, transformar marcas, empresas e negócios. Afetuosidade. Construir relações verdadeiras e poderosas com pessoas, clientes e mercado.

São Paulo, Nova Iorque ou Nova Odessa têm hoje muito em comum. Tudo. Temos em mãos, ou na tela, um arsenal de informações e ferramentas que qualquer outra pessoa ou profissional de propaganda – em qualquer outro lugar do mundo – pode ter. Conteúdo pirata ou pago, para todos os gostos e julgamentos. O resultado disso? Aqui, no “interior”, assim como aí, não há pressupostos. Estamos certos de que pensamos, produzimos e entregamos o que de melhor a propaganda, o design e a tecnologia da comunicação possibilitam.

 

*Crédito da foto no topo: Dom J/Pexels

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”