Chevrolet deixa de patrocinar a CBF

Buscar

Últimas notícias

Publicidade

Chevrolet deixa de patrocinar a CBF

Marca automotiva é a sexta a encerrar apoio ao futebol brasileiro; anteriormente foram Samsung, Gillette, Sadia, Michelin e Unimed


16 de maio de 2017 - 11h21

A Chevrolet e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), em nota conjunta, confirmaram o fim do contrato de patrocínio da Seleção Brasileira e do Campeonato Brasileiro de Futebol. A parceria havia sido iniciada em 2014.

De acordo com a nota, durante o período, a “Chevrolet acreditou na Seleção e no trabalho realizado pela CBF de reconstrução da credibilidade do futebol nacional.” Ainda de acordo com a CBF, os resultados foram muito positivos, culminando com a classificação da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo de 2018 na Rússia.

 

A Chevrolet apoia a CBF desde 2014

“Missão cumprida, este ciclo se encerra com a necessidade da Chevrolet de readequar seus investimentos de marketing diante do cenário desafiador que vive a indústria automotiva no país”, diz a nota.

A Chevrolet é a sexta marca a deixar de patrocinar a CBF desde que, em 2015, casos de corrupção envolvem a entidade. Já romperam com a confederação Samsung, Gillette, Sadia, Michelin e Unimed.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • cbf

  • esporte

  • futebol

  • investimento

  • patrocinio

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”