>>>>1131 >>> >>>1131 >>

Didi Chuxing compra o aplicativo 99

Buscar

Últimas notícias

Publicidade

Didi Chuxing compra o aplicativo 99

Empresa chinesa adquire startup de transportes visando a expansão dos serviços na América Latina


3 de janeiro de 2018 - 18h24

A companhia chinesa Didi Chuxing anunciou a aquisição do aplicativo de transportes 99. A negociação, que já estava circulando na imprensa desde o início da semana, foi confirmada por comunicado assinado pelas duas empresas.

Há um ano, a Didi Chuxing havia realizado um aporte financeiro na 99, o que lhe garantiu uma vaga no conselho administrativo da startup brasileira. De acordo com o comunicado, a parceria envolveu as áreas de tecnologia e inovação.

Com serviços de táxi, expresso, premium, luxo, carona, ônibus, van, motorista, aluguel de carro e compartilhamento de bicicletas, a Didi Chuxing é considerada a maior empresa de transportes da Ásia e, em 2016, adquiriu a operação da Uber na China. No Brasil, a 99 concorre no mercado com empresas como Cabify e Uber. A Easy Taxi, que também oferecia serviços semelhantes aos da 99, uniu-se ao Cabify na América Latina.

De acordo com Chen Wei, fundador da Didi Chuxing, o novo negócio trará para o continente um novo serviço mais integrado de mobilidade. “O sucesso alcançado pelos fundadores e pelos funcionários da 99 revela o espírito de empreendedorismo e inovação na América Latina”. Já o CEO da 99, Peter Fernandez, declarou estar confiante de que a negociação com a empresa chinesa aumentará a capacidade de expandir os serviços. “Somos privilegiados por sermos agora uma única organização e com propósito ainda mais forte: melhorar a indústria de transporte e impactar massivamente a vida de bilhões de pessoas em todo o mundo”, disse no comunicado.

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”