Comitivas brasileiras prontas para o SXSW

Buscar

Últimas notícias

Publicidade

Comitivas brasileiras prontas para o SXSW

Apex-Brasil levará um grupo de 77 empresas para Austin, assim como outras iniciativas estão reunindo anunciantes e profissionais brasileiros para acompanhar o festival


14 de fevereiro de 2018 - 9h06

A menos de um mês para a edição 2018 do South by Southwest (SXSW), de 9 a 18 de março, em Austin, no Texas, o Brasil, que no ano passado foi a segunda delegação em número de inscritos, já reúne empresas e comitivas para ir ao festival. A Apex-Brasil, que apoia o evento desde 2014, levará 77 empresas que terão na agenda reuniões de negócios, visitas técnicas e ações de networking. Além disso, 15 empresas do grupo também irão expor seus produtos no Trade Show, feira de negócios do SXSW.

Segundo a Apex-Brasil, é a maior delegação levada para Austin desde 2014. As empresas integram os setores de tecnologia, audiovisual, música, moda, máquinas e equipamentos, artes, saúde e alimentos e bebidas. No ano passado, 68 empresas brasileiras integraram a delegação organizada pela Apex-Brasil. Em 2018, além das visitas de negócios, algumas ativações desenvolvidas pela Apex estão previstas. O prédio da churrascaria brasileira Fogo de Chão, em Austin, será coberto com uma das obras do muralista brasileiro Eduardo Kobra.

 

Na última edição, em março de 2017, foram realizadas aproximadamente 2,2 mil apresentações, entre palestras e painéis

A Apex-Brasil também será responsável por um espaço de coworking dedicado às empresas brasileiras, no hotel JW Marriot. “A proposta é proporcionar um ponto de apoio para que participantes do SXSW possam ‘processar’ as informações acessadas durante o festival”, diz a organização.

A Lynx, agência especializada em marketing de causas, em parceria com a Storymakers, lançou, no final de janeiro, a plataforma ‘Brazil Inspires the Future’. O objetivo é compartilhar ações e negócios e empreendedores do Brasil. O início do projeto será a comitiva de empresas brasileiras para o SXSW. O programa já confirmou a ida de Natura, Embraer e Ambev que terão apresentações no SXSW discutindo temas como Social Impact, Intelligent Future, Tech&Startups e Design.

“Estamos levando as empresas para o festival não apenas para apresentar seus cases, mas para participarem de uma arena internacional de negócios. Nessa época do ano, é lá que se concentram os investidores, as principais aceleradoras e grandes mentes criativas que estão discutindo o futuro e a inovação. Para as empresas, é uma oportunidade de se conectar com o mundo, seja para encontrar novas soluções ou se aproximar ainda mais do ecossistema de inovação global”, diz Wal Flor, sócia-diretora da Lynx.

 

Um dos eventos realizados pela White Rabbit pós-SXSW

Vanessa Mathias, cofundadora da White Rabbit, organiza grupos de brasileiros que vão ao SXSW há três anos, posteriormente, a White Rabbit faz um Trend Report com mais de 15 curadores, um por cada área. A White Rabbit também mantém uma casa no festival, a Rabbit House, que reúne brasileiros. “Entre as apostas que estamos vendo dos temas  neste ano é a crise de identidade midiática, inversões de poder, hacking health, humanização do trabalho, entre outras”, diz Vanessa.

O que as empresas buscam no SXSW?

Wal Flor

De acordo com Wal Flor, sócia-diretora da Lynx, é importante que as empresas estejam presentes em um dos maiores palcos de inovação do mundo.

Meio & Mensagem – Por que é importante estar no SXSW?
Wal Flor – O SXSW é um dos principais palcos de inovação do mundo, que reverbera no mercado internacional e também no Brasil. Além do ganho de visibilidade, o evento é um excelente espaço para se conectar com o ecossistema de inovação global, representado por startups, investidores, influenciadores, empresas e formadores de opinião. O festival atua como uma importante plataforma de negócios e, por isso, é tão estratégico para as empresas.

M&M – Qual a importância das marcas estarem e falarem lá?
Wal Flor – É um lugar para ver e ser visto pelo mundo todo, além de se conectar ao ecossistema de inovação, participar ativamente das principais discussões globais e ainda fazer novos negócios.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • apex

  • brasil

  • inovacao

  • SXSW

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”