Nos EUA, 44% deletaram app do Facebook

Buscar

Últimas notícias

Publicidade

Nos EUA, 44% deletaram app do Facebook

Motivo da saída da rede se deve às revelações do uso indevido de dados pela extinta consultoria Cambridge Analytica

Sergio Damasceno Silva
10 de setembro de 2018 - 12h41

No ano passado, 44% dos usuários da faixa etária entre 18 anos e 29 anos, nos Estados Unidos, excluíram o aplicativo do Facebook de seus celulares. Isso significa quatro vezes mais do que a parcela de usuários com idade superior a 65 anos (12% desses usuários deixaram a rede). Na pesquisa conduzida pelo Pew Research Center, 42%dos usuários fizeram uma pausa no site no ano passado. Cerca de metade dos usuários com 18 anos ou mais (54%) dizem ter ajustado suas configurações de privacidade nos últimos 12 meses. E quatro em cada dez (42%) dizem que fizeram uma pausa na verificação da plataforma por um período de várias semanas ou mais, enquanto cerca de um quarto (26%) dos usuários totais disseram ter excluído o aplicativo do Facebook de seu celular. No total, cerca de 74% dos usuários do Facebook dizem que realizaram pelo menos uma dessas três ações no ano passado. A pesquisa foi feita entre 29 de maio e 11 de junho, após revelações de que a agora extinta consultoria Cambridge Analytica coletou dados de dezenas de milhões de usuários do Facebook sem o conhecimento deles.

Usuários mais jovens da rede de Mark Zuckerberg, conforme a pesquisa, ajustaram, recentemente, suas configurações de privacidade. Entre os usuários mais velhos, um terço alterou configurações, em comparação com 64% dos usuários mais jovens. Em pesquisas anteriores, o Pew descobriu que uma parcela maior de jovens que não adultos usa o Facebook. Ainda assim, compartilhamentos semelhantes de usuários mais velhos e mais jovens fizeram uma pausa no Facebook por um período de várias semanas ou mais.


Na esteira das revelações sobre a Cambridge Analytica, o Facebook atualizou suas configurações de privacidade para facilitar o download dos dados que o site coletou sobre usuários. A nova pesquisa constata que cerca de um em cada dez usuários do Facebook (9%) baixou os dados pessoais disponíveis no Facebook. Mas, apesar de seu tamanho relativamente pequeno como parcela da população do Facebook, esses usuários são altamente conscientes da privacidade. Aproximadamente metade dos usuários que baixaram seus dados pessoais do Facebook (47%) excluíram o aplicativo do celular, enquanto 79% optaram por ajustar suas configurações de privacidade.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Mark Zuckerberg

  • facebook

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”