Três mil agências digitais faturam R$ 2,2 bi

Buscar

Comunicação

Publicidade

Três mil agências digitais faturam R$ 2,2 bi

Censo da Associação Brasileira das Agências Digitais registra crescimento próximo de 50% no setor, formado por 3 mil agências


28 de novembro de 2012 - 4h42

O Censo 2012 da Associação Brasileira das Agências Digitais registrou um total de 3 mil agências focadas na disciplina no Brasil. O número chama atenção o crescimento em relação a 2011: há cerca de 300 empresas a mais. Parte desse crescimento se deve a uma mudança na metodologia.

A entidade passou a considerar novas subdisciplinas do mercado digital na identificação de “agências digitais” e abriu regionais que permitiram aferir com mais precisão números das regiões Nordeste e Centro Oeste. “É uma resposta à dificuldade que temos em definir o que é uma agência digital. Até estamos adotando o termo ‘agentes digitais’”, afirma Jonatas Abott, presidente da entidade.

A pesquisa detectou, também, que o faturamento do setor em 2012 deve fechar em R$ 2,2 bilhões – 50% a mais que em 2011. Como há a distorção metodológica, o presidente da entidade recalcula o percentual para 30% de crescimento.

Entre as tendências apontadas como maiores vetores de crescimento para o setor estão os varejistas online – “É a área que puxa o marketing digital”, diz Abott – e mobile. Esta categoria, aliás, mais que duplicou de tamanho: em 2010, representava, em média, 0,6% do faturamento das agências. Em 2011, passou para 1,4%. O varejo online saiu de 4,4% para 5%. Outro destaque são os trabalhos envolvendo redes sociais: dos 7,9% do faturamento médio, passaram a representar 10,6%.  

Publicidade

Compartilhe