Manifestações incorporam slogans

Buscar

Comunicação

Publicidade

Manifestações incorporam slogans

Campanhas da Fiat e Johnnie Walker tiveram suas mensagens disseminadas pelas ruas e ambiente digital


18 de junho de 2013 - 12h29

Dois slogans criados por agências brasileiras foram incorporados às manifestações que reuniram mais de 250 mil pessoas Brasil afora na segunda-feira 17. A Fiat, que recentemente lançou a campanha “Vem para a rua” com o objetivo de celebrar a Copa das Confederações no País, viu o seu conceito disseminado, literalmente, pelas ruas com cartazes e ainda atingir os trending topics do Twitter com a hashtag #vemprarua e se espalhar por todas as esferas digitais.

Para o público, a letra da música interpretada por Falcão, do grupo O Rappa, que traz frases como “Vem para a rua/Por que a rua é a maior arquibancada do Brasil”, refletiu o desejo de chamar a população para abraçar as causas.

Em comunicado, a Fiat informa que a campanha criada pela Leo Burnett Tailor Made foi desenvolvida exclusivamente com foco na alegria e paixão que o futebol desperta nos brasileiros. Ainda de acordo com o anunciante, o plano de mídia original já contemplaria que o filme deixará de ser exibido em TV aberta, mas continuará nos canais digitais da marca. A Fiat reitera que a plataforma de futebol criada a partir desta campanha prosseguirá até a Copa do Mundo de 2014. 

wraps

“O gigante acordou” #ogiganteacordou foi outro slogan usado nas manifestações e que também esteve entre os trending topics brasileiro com a hashtag #ogiganteacordou. A mensagem criada por Alexandre Gama, CCO global da Neogama/BBH, há um ano e meio, fez parte de uma campanha da Johnnie Walker exclusiva para o Brasil.

As cenas do filme mostram o morro do Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro, sendo "acordado" na forma de um gigante. Ele se levanta e, já em pé, segue em direção ao mar. O gigante desperta curiosidade e patriotismo nas pessoas que acompanham o seu processo de mutação. Ao final do comercial, a mensagem: "O gigante não está mais adormecido. Keep Walking, Brazil". 

wraps

Disseminação na era digital 
Em São Paulo as manifestações tiveram início após o aumento das tarifas de metrô, ônibus e trens. Encabeçadas pelo MPL (Movimento Passe Livre), as manifestações foram ganhando corpo com a convocação de usuários por meio das redes sociais.

Na última manifestação, na segunda-feira 17, o evento criado pelo MPL conseguiu a confirmação de mais de 280 mil pessoas pelo Facebook. O número de participantes, segundo estimativas dos órgãos públicos, chegou a 65 mil. Eles se espalharam por algumas das principais avenidas da cidade em um movimento pacífico e respeitoso, que foi acompanhado pela Polícia Militar.

Outros protestos tomaram o País na segunda-feira. Em Brasília um grupo chegou até o Congresso Nacional. No Rio de Janeiro, cerca de 100 mil pessoas se reuniram em um encontro que teve início na igreja da Candelária e percorreu algumas ruas do centro da cidade. Em Belo Horizonte, a marcha de manifestantes também se reuniu na região central e tinha a intenção de chegar até o estádio do Mineirão. Diferente de São Paulo, em outras cidades as manifestações reivindicam os gastos com a Copa e o uso do dinheiro público.

Circula no Facebook um vídeo que mescla as campanhas de Johnnie Walker e a da Fiat num vídeo-protesto que já foi compartilhado mais de 74 mil vezes. Assista abaixo.

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”