Filmes mais eficientes segundo neurociência

Buscar
Publicidade

Comunicação

Filmes mais eficientes segundo neurociência

Estudo da Brain aponta comerciais nacionais com melhor desempenho no final de 2014


12 de janeiro de 2015 - 9h39

A Forebrain apresentou os resultados do seu estudo sobre comerciais que conseguiram gerar mais atenção, motivação e memória nos consumidores no último mês de 2014, em resultados obtidos por meio da aplicação da neurociência. Intitulado Brain ((Brazilian Advertising Investigation In Neuromarketing) o estudo é separado em três rankings: Atenção, Motivação e Memória.

O primeiro ranking apontou que o filme “Peruca”, da Leo Burnett Tailor Made para Fiat e que tem a participação do ex-jogador Ronaldo foi o mais conseguiu chamar a atenção dos telespectadores. Já o comercial “Zumbi”, da We para OLX gerou mais motivação na audiência. Em se tratando de memória, o filme “Contorcionista”, da FCB pela Sky foi o vencedor. Diferente do que aconteceu em 2013, os comerciais que apresentaram os melhores resultados abordavam temas não relacionados ao Natal. Apenas o comercial “Super Slow”, da F/Nazca para a Sadia apareceu listrado entre as dez melhores propagandas nos três rankings.

O estudo foi realizado com a participação de 60 pessoas entre homens e mulheres, de 18 a 50 anos, que analisaram 39 comerciais. Utilizando o eletroencefalograma (análise de ondas cerebrais) e o eye-tracking (medição em tempo real do movimento dos olhos e do padrão de fixação do olhar) em pessoas de perfis diferentes. As respostas não conscientes dos consumidores são traduzidas para gráficos. A ideia é obter, por meio de medidas objetivas, indicadores de desempenho das reações não conscientes dos consumidores à comunicação.

As respostas são apresentadas em uma plataforma analytics online que mostra de forma interativa os resultados da análise de espectadores avaliados periodicamente pela Brain. 

wraps

Publicidade

Compartilhe

Veja também