Conar: quem cria, nem sempre percebe o erro

Buscar

Comunicação

Publicidade

Conar: quem cria, nem sempre percebe o erro

Com o filme ?Fifi?, criado pela AlmapBBDO, conselho reforça seu propósito de mediadora entre o consumidor e o mercado publicitário


2 de fevereiro de 2016 - 11h28

Fifi é a cachorrinha de estimação de uma senhora de meia-idade que, na verdade, é um gambá. Com bom humor e o mote “Quem cria, nem sempre percebe o que está errado”, o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar), lança um filme para esclarecer ao público a natureza da instituição: ouvir a opinião do público sobre a propaganda brasileira e cobrar ações do mercado de maneira democrática.

O comercial é criado pela AlmapBBDO e produzido pela Sentimental Filme. A direção é da Dupla Amnésia e as gravações foram realizadas São Paulo com um robô animatronic que representava o gambá. A campanha também conta com anúncios impressos (veja abaixo). 

wraps

wrapswraps

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”