Budweiser usa discurso de rainha no futebol feminino

Buscar

Comunicação

Publicidade

Budweiser usa discurso de rainha no futebol feminino

Frases de Elizabeth I dão o tom da campanha que promove o time inglês na Copa do Mundo; criação é da Draftline

Renato Rogenski
10 de junho de 2019 - 13h18

Campanha da Budweiser para a seleção inglesa na Copa do Mundo (Reprodução)

Desde a sexta-feira, 7, a bola está rolando na Copa do Mundo feminina de futebol. O pontapé inicial também aumenta os holofotes de marcas que abordam a temática da modalidade em suas campanhas. Entre os exemplos que têm ganhado destaque na imprensa especializada global está o filme da Budweiser “Heart of a king”, criado pela Draftline, agência interna da marca.

Para apoiar a seleção da Inglaterra, patrocinada pela cerveja, o vídeo reúne mulheres influentes da música, cinema, esporte e a TV do país. Todas elas “reencarnam o espírito” da rainha Elizabeth I, com o discurso “Heart and stomach of a king” (Coração e estômago de um rei) proferido para as suas tropas durante a Armada Espanhola em 1588.

O filme conta com a atriz Naomie Harris, que já atuou em filmes como Moonlight e Operação Skyfall; a modelo, atriz e empresária Suki Waterhouse; a ex-jogadora de futebol Rachel Yankey; a cantora e compositora Jessie Ware e a medalhista de ouro olímpica no boxe, Nicola Adams.

 

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Publicidade

  • futebol

  • Propaganda

  • filme

  • marcas

  • budweiser

  • Empresas

  • Rainha

  • DraftLine

  • discurso

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”