Games e e-sports: engajamento nas alturas

Buscar

Games & e-Sports

Publicidade

Games e e-sports: engajamento nas alturas

Enquanto os gramados, quadras e pistas ficaram vazios durante a pandemia, as arenas dos e-sports se mantiveram lotadas no modo digital


7 de outubro de 2020 - 6h36

No início de setembro, um dia após a realização da final do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL), um dos maiores torneios de jogos eletrônicos do mundo, ter ocorrido no topo de um edifício, em São Paulo, a cantora Anitta passou mais de duas horas conectadas em uma live no Facebook Gaming. Juntamente com o streamer Nobru, astro da equipe do Corinthians de Free Fire e um dos maiores representantes atuais dos e-sports brasileiros. Na conversa com Nobru, Anitta explicou o que a motivou a se tornar gamer. “Eu desconhecia o tamanho deste cenário, fui apresentada a ele pela Uma Dani, youtuber e minha amiga, e depois fui orientada por meus empresários internacionais que jogar seria uma forma importante de engajamento com novas gerações”, afirmou.

Acompanhe o desdobramento disso no site do especial Game & E-Sports e também a entrevista com o diretor de e-sports da Riot Games Brasil, Carlos Antunes, que organiza o Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL), um dos principais torneios de jogos eletrônicos do mundo.

Publicidade

Compartilhe