Dia do Consumidor movimentará R$ 258 milhões no e-commerce

Buscar

Marketing

Publicidade

Dia do Consumidor movimentará R$ 258 milhões no e-commerce

Dados da Ebit Nielsen apontam crescimento de 14,5% no tíquete médio em comparação ao ano anterior; marcas apostam em personalização e experiência

Salvador Strano
14 de março de 2019 - 10h28

Campanha da Casas Bahia protagonizada por Rick Chesther (Crédito: divulgação)

O Dia do Consumidor – celebrado em 15 de março – segue se consolidando como uma data importante para o comércio brasileiro. A celebração foi adotada pelo varejo há seis anos com o objetivo de aumentar as vendas em março, que tradicionalmente é um mês fraco no consumo da população.

O faturamento da data deve chegar a R$ 258 milhões no e-commerce este ano, segundo estudo da Ebit Nielsen. A cifra representa uma alta de 18% em comparação com o ano anterior. Para a consultoria, o número de pedidos deve ter aumento de 2,9%, chegando a 536.382 mil.

O crescimento expressivo, no entanto, será no gasto médio dos consumidores, chegando a 14,5%, de R$ 420 para R$ 481. Segundo a Ebit, as categorias tradicionais (eletrônicos, eletrodomésticos, moda & acessórios, casa & decoração e cosméticos & perfumaria) devem ser as mais buscadas pelo consumidor na data.

Veja abaixo um comparativo entre o Dia do Consumidor e outras datas importantes para as vendas do comércio eletrônico no País:

Para conquistar esse público crescente, marcas criam ações de marketing específicas para a data. Segundo Silvia Quintanilha, vice-presidente de atendimento da Kantar Millward Brown, o poder da identificação da marca com base emotiva são as chaves para aproveitar esse momento de datas especiais e atrair o cliente.

O Pontofrio, por exemplo, apostou na personalização dos descontos a partir de enquetes em sua conta no Instagram. A empresa acredita que suas linhas de eletrônicos, smartphones e eletrodomésticos serão as estrelas da data. Outra marca a seguir a mesma estratégia foi a Latam. A companhia aérea promove, em seu Facebook, uma gincana entre destinos. Os mais votados ganham descontos que vão de 10% à 15%.

Já o Buscapé estendeu as ofertas da data para a semana inteira. Assim como o Pontofrio, o site de comparação de preços entende que os smartphones, especialmente os de valor intermediário, devem protagonizar a seleção de categorias mais procuradas.

Ao buscar esse poder de identificação citado por Silvia, a Casas Bahia escolheu o influenciador Rick Chesther para estampar sua campanha. O ex-vendedor de água apresenta a campanha “Economia do seu jeito. Porque aqui tem o melhor negócio!”. A Y&R é a responsável pela ação, e a rede trabalha a data também no varejo físico.

Outra varejista que aposta na integração entre o físico e o digital é a Cobasi, que promete disponibilizar a retirada de uma compra online em até duas horas. Se o tempo for excedido, a rede afirma que o consumidor poderá retirar o que comprou, mas não pagará pelo produto. A promoção fica no ar até sexta-feira, 15. Além disso, a empresa preparou descontos em acessórios para animais de estimação.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • e-commerce

  • varejo

  • Casas Bahia

  • Pontofrio

  • Kantar Millward Brown

  • Buscapé

  • Dia do Consumidor

  • Ebit Nielsen

  • Cobasi

  • Rick Chesther

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”