Mercado cresce 6,78% até novembro

Buscar

Mídia

Publicidade

Mercado cresce 6,78% até novembro

Acumulado até novembro de 2012 atinge R$ 27,3 bilhões, mas revela pior variação mensal da década; Digital Out-of-home, Cinema e TV Paga se destacam


20 de fevereiro de 2013 - 6h33

O investimento publicitário no Brasil atingiu o patamar de R$ 27,3 bilhões no acumulado entre janeiro de novembro de 2012, com crescimento de 6,78% em relação ao mesmo período do ano anterior. No entanto, o faturamento publicitário mensal manteve-se estável em relação a novembro de 2011, com leve crescimento de 0,27% e R$ 2,78 bilhões. Trata-se da pior performance de novembro da década, em termos de variação no mês em relação ao ano anterior, informa o Projeto Inter-Meios.

Os meios que tiveram o maior crescimento no acumulado dos onze meses foram Digital Out-of-home (24,27%), Cinema (23,98%) e TV por Assinatura (12,47%). Os maiores recuos foram Painel (-27,20%), Mídia Exterior Móvel (-15,47%), Guias e Listas (-14,9%) e Revistas (-4,47%). O investimento em digital, que vinha registrando consecutivos crescimentos superiores a dois dígitos nos meses recentes ampliou a participação em 6,9%.

Bolo publicitário

A liderança dos investimentos publicitários continua com a TV Aberta, que acumula participação de 64,72% do total, seguida por Jornal (11,26%), Revista (6,37%) e Internet (5,04%). As menores participações são de Cinema (0,35%), Guias e Listas (0,91%) e Mídia Exterior (3,01%).

O Projeto Inter-Meios é um relatório de investimento em mídia realizado pela PricewaterhouseCoopers com exclusividade para o Meio & Mensagem, que coordena a iniciativa. O relatório mede, mês a mês, os investimentos em veiculação feitos pelos anunciantes na mídia brasileira, a partir de informações dos próprios veículos. Os números completos podem ser acessados no site do Projeto Intermeios
wraps

Publicidade

Compartilhe