Google Maps celebra 15 anos com inovações

Buscar

Mídia

Publicidade

Google Maps celebra 15 anos com inovações

Serviço de mapeamento apresenta mudanças em design, ferramentas e integração multimodal

Igor Ribeiro
6 de fevereiro de 2020 - 15h04

A propósito do aniversário de 15 anos do Maps, o Google está promovendo uma série de mudanças na ferramenta globalmente. As novidades vão desde o ícone do aplicativo e um layout renovado no mobile, até novos atributos para estimular a colaboração de usuários.

 

Crédito: Divulgação/ Reprodução

A empresa anunciou as mudanças durante evento na sede do Google em São Paulo nesta quinta-feira, 6. “Desde a época em que era só um mapa para imprimir, o Maps evoluiu muito, virou uma ferramenta de comércio, com informações organizadas, navegação, dicas de lugares e muito mais”, disse Fabio Coelho,  presidente do Google Brasil e VP global da empresa. A versão para desktop, com interatividade reduzida e que trazia alguns mapas dos Estados Unidos, foi lançada em fevereiro de 2005. Dois anos depois chegou ao Brasil.

Entre as principais novidades estão as abas. “Explorar” e “Dia a Dia”, que já estavam na home do aplicativo, continuam presentes. “Para Você” vai virar “Novidades”, incluindo uma ferramenta de Mensagens com comércios próximos, no submenu. Outra aba será “Contribuir”, para facilitar a publicação, atualização e correção de informações no mapa sobre ruas, trajetos ou estabelecimentos. Também será criada a aba “Salvo”, na qual o usuário encontra seus lugares favoritos.

O Google também apresentou novidades para facilitar a reunião de informações de quem deseja utilizar transportes públicos em cidades. “Os usuários poderão acessar seu perfil e colocar suas preferências como os meios de transporte que mais utilizam, os horários mais comuns, as rotas favoritas e assim terão uma experiência mais personalizada”, descreveu Tijana Jankovic, head de parcerias estratégicas do Google para a América Latina.

Ferramenta Live View (Crédito: Divulgação)

Também será possível saber detalhes como a acessibilidade a deficientes naquele modal específico, se há sistemas de segurança como câmeras a bordo e até como costuma ser a temperatura em seu interior. Além disso, lugares como Brasília, Guarulhos, Niterói, Osasco, Recife, Ribeirão Preto e Salvador, numa lista que inclui mais de 60 cidades, passarão a ter informações em tempo real sobre rotas, tempo, paradas, partidas e chegadas de ônibus municipais. As mudanças começarão a ser lançadas gradualmente a partir de março.

“Num futuro próximo, queremos integrar com ferramentas de pagamento e colocar mais informações nas paradas e estações por meio de realidade aumentada, como as linhas que passam ali e o tempo de chegada do próximo trem, por exemplo”, descreveu Tijana.

André Kovaltowski, gerente de produtos do Google Maps Latam, destacou que realidade aumentada já é utilizada na ferramenta Live View, que permite navegação a pé pela cidade baseada em dicas visuais do panorama urbano, mas que sua integração ao aplicativo deverá crescer. “Realidade aumentada é um dos atributos que mais apresenta possibilidades para o Maps e tem um potencial gigantesco para muitos tipos de experiências”, disse.

Segundo o Google, o Maps é utilizado hoje por mais de um bilhão de pessoas no mundo e o Brasil está entre os cinco países com maior número de usuários. A plataforma tem mais de 220 países e territórios mapeados, com 16 milhões de quilômetros na modalidade Street View. A plataforma tem cerca de 120 milhões de Local Guides, como chamam colaboradores que colocam ou atualizam informações no Maps: são cerca de 20 milhões de contribuições diárias globalmente, segundo números internos.

 

 

 

 

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • tijana jankovic

  • andré kovaltowski

  • Fabio Coelho

  • Google

  • google maps

  • street view

  • realidade aumentada

  • navegação

  • localização

  • mapas

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”