Quanto vale um “review”?

Buscar

Opinião

Publicidade

Quanto vale um “review”?

Nada é tão importante para uma marca quanto receber uma boa avaliação de suas audiências e consumidores


13 de julho de 2021 - 15h52

(Crédito: Urupong/ iStock)

Nós, agências e anunciantes dormimos e acordamos pensando em como melhorar nossas métricas de campanha e negócios. É CPC pra cá, CPV pra lá. In stream à direita, out stream à esquerda, e assim por diante.

Essa é a nossa dinâmica, e dedicamos boa parte do nosso tempo perseguindo todos esses índices.

No entanto, nada disso tem uma importância tão crucial, quanto sermos avaliados nessa mesma proporção, pelas nossas audiências e consumidores.

Uma pesquisa da BrightLocal mostra que 91% dos consumidores entre 18-34 anos confiam mais nos reviews, até mesmo que recomendações de amigos e/ou familiares e 93% dos consumidores em geral declaram ser totalmente influenciados por ele na sua decisão de compra. Reviews podem muitas vezes ajudar a melhorar seu negócio, adaptar produtos e serviços ou até mesmo auxiliar na criação de outros novos.

O inverso também é verdadeiro. De acordo com a mesma pesquisa, quatro em cada cinco consumidores americanos mudam de ideia na hora de comprar um produto quando são confrontados com reviews negativos.

A Harvard Business School mostra que um restaurante que perde uma “estrela” no Yelp, em geral, tem queda de seu faturamento em torno de 5%-10%. Ou mais de quatro reviews negativos sobre uma marca ou produto pode derrubar a venda em 70%. Dessa forma, negligenciar reviews pode ser um erro crucial para qualquer negócio.

Portanto, um bom review pode ser o fator crucial não só para geração de leads, mas para garantia da sustentabilidade do seu negócio. Do contrário, o investimento feito para levar o consumidor até ali, pode ter sido totalmente em vão.

Em um mundo de fake news, os reviews nos ajudam a mostrar que, de fato, o “business” é real, além de reforçar a reputação das marcas e, muitas vezes, ser um dos fatores fundamentais para decisão de compra.

Além de todos os fatores acima, serve também para dar muito mais credibilidade ao negócio, melhorar seu SEO, brand loyalty e colocar, de fato, você “de frente” com seu consumidor.

É claro que todos esses pontos não invalidam nossa obsessão por métricas e mensuração de resultado, mas será cada vez mais necessário um olhar muito mais amplo, incorporando todo esse ecossistema.

Do contrário, dormiremos cada vez menos ainda.

**Crédito da imagem no topo: anyaberkut/iStock

Publicidade

Compartilhe