Já ouviu falar do iPod no Palito?

Buscar

post patrocinado

Por

Já ouviu falar do iPod no Palito?

Descubra como a Bullet transformou picolés em iPods e revolucionou o palito premiado da Kibon.


26 de fevereiro de 2024 - 0h00

Você já deve ter ouvido falar do “Palito Premiado” da Kibon.
Uma promoção icônica que marcou gerações com uma ideia simples: se no palito de seu picolé tivesse escrito “Premiado”, você poderia trocar por outro picolé sem pagar nada.

Com o sucesso da promo já estabelecido, nós, da Bullet, recebemos um desafio: reinventar o amado “Palito Premiado”, de uma forma simples, interessante e ainda mais legal.

Sem posto de troca e sem burocracia, nós decidimos que o prêmio tinha que estar ali, no próprio picolé. Seguindo a mesma lógica descomplicada do “Palito Premiado”.

Assim, criamos a promoção iPod no palito:
No lugar do picolé, desenvolvemos uma réplica de resina para acomodar o iPod sem danificá-lo. Idêntica ao picolé real, mas protegida da temperatura e umidade.
E, o mais incrível: com o mesmo peso, a mesma espessura e a mesma temperatura.

Kibon distribuiu 10 mil iPods em promoção criada pela Bullet

Kibon distribuiu 10 mil iPods em promoção criada pela Bullet

Foram 10 mil iPods espalhados por todo o Brasil, e quem encontrasse um deles recebia em casa carregador, fone de ouvido, manual e, é claro, um picolé pra curtir com seu som favorito. Economia de logística pra Kibon e facilidade pro consumidor.

O resultado não podia ser diferente:
A Kibon teve um aumento de mais de 30% no volume de vendas, em 3 meses de promoção, com 90 mil estabelecimentos impactados de norte a sul do País.

E ainda deu o que falar nas redes, sendo divulgada espontaneamente até em site gringo. Mas não parou por aí. O sucesso foi tão grande que rendeu troféu nos dois primeiros Promo Lions do Brasil, nas categorias Embalagem Promocional e Produtos de Consumo.

Teve também Medalha de Ouro no Anuário do CCSP, Medalha de Ouro no El Ojo (categoria Promo), Medalha de Ouro no Wave Festival (categoria Promo) e o case foi escolhido como um dos mais inovadores do século pelo Meio&Mensagem.

Uma história incrível que prova por a + b que, se você tem uma ideia fresquinha, não a deixe na geladeira. Mesmo que pareça absolutamente insana. Afinal, como Fernando Figueiredo, fundador da Bullet, nos disse: “Se você não tem que envolver os advogados, a ideia não é tão boa assim”.

Confira aqui o case:

 

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Quando a Publicidade Emociona

    Quando a Publicidade Emociona

    O poder das emoções na conexão entre marcas e consumidores durante as datas comemorativas.

  • Como sua marca vai apostar pelos atletas brasileiros esse ano?

    Como sua marca vai apostar pelos atletas brasileiros esse ano?

    Conheça o case da Noblex, que apostou all in pela seleção Argentina.