NZN encerra 2020 com 61% de crescimento, acumulando prêmios e contratações

Buscar

post patrocinado

Por NZN

NZN encerra 2020 com 61% de crescimento, acumulando prêmios e contratações

Apesar da pandemia, NZN fecha 2020 em alta e com projeções ousadas para 2021

Esquerda frente: Adriano Lustoza - Diretor de Engenharia, Esquerda atrás: Alexandre Carvalho - CFO, Centro: Sobhan Daliry - CEO, Direita: Tayara Simões - Diretora de Receita



13 de janeiro de 2021 - 14h58

A pandemia da Covid-19 impactou diretamente a economia do país. Segundo levantamento divulgado pelo IBGE, das empresas que encerraram as suas atividades em 2020, 40% tiveram como causa o coronavírus. Apesar desse cenário, algumas empresas conseguiram se adaptar ao momento e manter a organização em crescimento. Exemplo disso é a NZN, conhecida como um dos principais players para soluções de publicidade e comunicação online e a maior criadora de audiências segmentadas do Brasil, a empresa encerrou o ano com um crescimento de 61% de EBITDA com relação a 2019.

Foco nas pessoas e conquista de prêmios

Um dos segredos para atingir o resultado positivo foi o foco nas pessoas. Mesmo com os colaboradores em home office desde março, não houve congelamento de salários e tampouco, demissões com o intuito de ter corte de custos. Ao contrário disso, a empresa este ano contratou 43 novos colaboradores e inclusive, abriu a segunda edição do seu programa de estágio com 15 vagas para estudantes de nível superior. Um aumento de quadro de funcionários de 39% em relação ao final de 2019.
Benefícios foram mantidos e diversas ações foram criadas para que o bom clima organizacional se mantivesse apesar da distância física. Por esses e outros motivos, a empresa também foi reconhecida com o selo Great Place To Work que certifica empresas que se destacam com boas práticas no ambiente de trabalho e satisfação dos colaboradores.

Incorporação de sites ao TecMundo

Com um time motivado e sem medo de inovar, foi possível pensar em novas estratégias de marketing para que a companhia não sofresse os impactos da pandemia. Proprietária do maior veículo de tecnologia da América Latina – o TecMundo – a empresa anunciou no segundo semestre que a vertical havia incorporado o Minha Série, vertical sobre filmes e séries, o Voxel, de games, e o The BRIEF, newsletter sobre negócios em tecnologia. A fusão das marcas teve como objetivo oferecer verticais ainda mais robustas e completas a serem exploradas pelos leitores e também pelos anunciantes nas entregas de mídia e conteúdo. Além disso, aumentou a liderança de audiência tech multiplataforma do TecMundo.

Pouco tempo após a mudança, a empresa colheu bons frutos da incorporação ao ampliar significativamente a audiência e também a satisfação do público refletida na conquista do prêmio ESET, o prêmio Influency.me e o Prêmio iBest, que classificaram o TecMundo como site de “Melhor Conteúdo de Tecnologia” no Brasil, em 2020.

Rebranding da marca NZN

Sendo uma das pioneiras da internet no Brasil e proprietária de grandes audiências como o TecMundo e o Baixaki, a NZN tem a tecnologia e a inovação em seu DNA, por isso, as mudanças estratégicas não ficaram apenas nas verticais. Em 2020, ao completar 20 anos de existência, a empresa enxergou a necessidade de atualizar a marca com um visual mais contemporâneo, que refletisse o atual momento da companhia.
Com uma ilustração criada exclusivamente para ela e que já estampa o novo site da empresa, o objetivo foi representar todo o universo de atuação da marca em seus três pilares principais de produção de conteúdo digital, entrega de mídia inteligente e a solução de serviços personalizados. Além disso, destacou suas marcas que fizeram parte da história das pessoas. Em resumo, a nova identidade da NZN sai do convencional e compila o universo tecnológico, moderno e repleto de soluções que a empresa oferece para o mercado.
“Foi extremamente desafiador conquistar este resultado em um ano tão adverso. Com nosso aprendizado adquirido nos últimos anos, conseguimos nos reinventar e oferecer soluções de valor para o mercado publicitário. Somando isso a um time alinhado e novos talentos, tivemos essa oportunidade de crescimento.” afirma Tayara Simões, Diretora de Receita.

O que esperar em 2021

O objetivo para o próximo ano é tornar a NZN a empresa com entregas de conteúdo e mídia ainda mais relevantes, com uma projeção de aumentar em 43% o faturamento da companhia. “A nossa missão de criar histórias que conectam marcas e pessoas, nunca foi tão importante, nossa meta em 2021 é focar na criação de audiências ainda mais qualificadas e com oportunidades de conexões genuínas entre marcas e pessoas.” Afirma Sobhan Daliry, CEO da NZN.

Sobre a NZN:

A NZN é um dos principais players para soluções de publicidade e comunicação online. Com três pilares independentes — NZN Media, NZN Content e NZN Services —, a empresa é a maior criadora de verticais do Brasil e oferece serviços exclusivos para planejamento e execução de campanhas digitais. Proprietária das verticais TecMundo, VOXEL, The BRIEF, Mega Curioso, Minha Série, Baixaki e Click Jogos, a NZN possui 23 milhões de usuários únicos mensais, alcançando 1 em cada 5 usuários da internet brasileira.

Sobhan Daliry, CEO

Formado em Engenharia Eletrônica pela Universidade Federal de Pernambuco, Sobhan Daliry já teve passagens pelas empresas Aircom, Oi, Claro e VIVO, além de ter assumido em 2012 o cargo de Business Development Manager no Peixe Urbano, e em 2013 a função de Director of Product Management na PSafe Tecnologia. Hoje, Daliry atua como CEO da NZN, um dos principais players em soluções para publicidade e comunicação do mercado.

Tayara Simões, Diretora de Receita

Pós-graduada em Comunicação Online pela FAE Business School, Tayara atua na área de comunicação digital desde 2010. Atualmente Diretora de Receita na NZN, a profissional foi responsável pela criação dos perfis sociais das marcas da empresa, acumulando de forma orgânica cerca de 16 milhões de seguidores. Além disso, Tayara é responsável pela criação e estruturação da área de projetos especiais, realizando cases com grandes marcas em diversos segmentos e diferentes plataformas. A profissional também é autora do livro Social Media Já – Descomplique e produza conteúdo online, lançado em setembro de 2016.

Publicidade

Compartilhe