Ariel Grunkraut

Burger King

Lá se vão mais de 20 anos desde que cheguei ao marketing. Quem me conhece sabe: ganhar o Caboré sempre foi um sonho. Está é minha última chance, pois, em 2023, me tornarei CEO do BK no Brasil, empresa que ajudei a fundar, depois de ter passado por gigantes como a Ambev.

Estar no BK é estar em um lugar obcecado por criatividade. Prova disso é que, em 2022, a marca foi eleita, pela terceira vez seguida, a mais criativa em Cannes. Só do nosso time aqui, foram 18 Leões em três anos.

É um orgulho deixar a posição no ano em que o time de marketing brasileiro acaba de ser escolhido como o melhor dentro do BK global. Uma premiação interna que existe desde 2016 e que ganhamos três vezes. Nos últimos meses, fui escolhido, pelo M&M (obrigado!), como um dos 17 líderes Game Changers da Indústria, e, pela Adlatina, como um dos 10 mais efetivos da América Latina.

Essa segunda gaiola é o reconhecimento de um ciclo que chega ao fim. Comecei na área sem conhecer nada; tudo o que construí devo a esse mercado, que me abraçou desde o dia 1. Fiz centenas de amigos, aprendi com gente fantástica. Levo comigo um pouco de todos; e deixo o mundo da criatividade com a certeza de que a criatividade não me deixa. Espero que a Coruja venha junto.

Outros Indicados