iBT: Teatro que Transforma, Patrocínio que Marca

Buscar

iBT: Teatro que Transforma, Patrocínio que Marca

Buscar

post patrocinado

Por

iBT: Teatro que Transforma, Patrocínio que Marca

Em 2024, iBT irá conectar marcas ao palco da transformação com projetos ambiciosos

Preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem:


7 de dezembro de 2023 - 0h00

Eventos altamente acessíveis com temporadas longas em espaços públicos e privados, exposição e alcance altíssimo às mais variadas camadas da população brasileira, comunicar responsabilidade com caráter de transformação e melhorias para sociedade. Todas essas características tão buscadas pelas agências e empresas, estão unidas em um segmento onde as marcas ainda não exploram corretamente as formas de patrocínio: o teatro nacional.

Ciente dessa lacuna no mercado, o Instituto Brasileiro de Teatro (iBT) desempenha um papel crucial ao facilitar conexões e financiamento para as companhias de teatro com as marcas, através de uma governança sólida e gestão profissional. Desde o início de atividades até o fim de 2023 o iBT angariou um total de 30 milhões de reais provenientes de investimentos diretos do setor privado ou via utilização de Leis de Incentivo à Cultura, para realizar os mais diversos projetos e ações. Já o ano de 2024 reserva um amplo plano de atividades em diversas regiões do país, com um orçamento de R$24 milhões para captação.

Transformação Social e Cultural: O Propósito do iBT

Fundado em 2022, o iBT não é apenas um instituto de teatro, mas uma força impulsionadora da transformação social e cultural. Com a missão de democratizar as artes cênicas no Brasil, comprometendo-se a ser o catalisador do segmento teatral em todo o país, auxiliando na profissionalização, popularização, divulgação e criação de público. Isso tudo é feito – sem nenhum custo aos produtores, atores/atrizes e público – através de, resumidamente, quatro eixos principais que estão diretamente ligados entre si: formação de profissionais; fornecimento e disponibilidade de estrutura; fomento cultural direto no Brasil e realização de espetáculos proprietários.

José Aragão, membro do Conselho do iBT, destaca a confiabilidade e seriedade do Instituto. “O iBT é um agente de mudança, comprometido em levar o teatro a todos os cantos do Brasil. Nossos projetos até então e também para 2024 refletem nossa dedicação à transformações culturais e sociais.”, afirma Aragão. “Quando se viaja por todos os cantos do país e se tem uma compreensão da ânsia de cultura da população em todas as camadas sociais, fica claro o quanto o teatro possui uma inserção especial.”, completa.

Investindo no Futuro: Projetos e Parcerias para 2024

O ano de 2024 será o momento mais ambicioso do iBT, que pretende realizar ações em Brasília, Manaus, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. Entre elas, estão a finalização 100% da reforma do Centro Cultural de 13 andares, continuidades do projeto Arena iBT, que apresenta espetáculos inéditos e autorais de grande porte ao ar livre, com 100% de gratuidade e até a criação e execução do Festival de Teatro de Manaus, que, sozinho, tem uma expectativa de público de 100 mil pessoas.

Vanessa Miranda, Gerente de Relações Institucionais do iBT, ressalta a transparência nos processos de captação e prestação de contas: “Esse tipo de captação é algo muito sério, feito de maneira profissional. Associar sua imagem, sua marca a algo como o teatro, que tem como necessidades básicas de existência a atenção e a experiência ao vivo, possui uma forma de conversão de uma mensagem específica de maneira muita única”.

Além de ter sua marca exposta para milhões de pessoas, seja através do ao vivo em dias de espetáculo, no Centro Cultural, mobiliário urbano pelas cidades, investir no teatro nacional corrobora com uma mensagem clara de compromisso não só com o bem-estar das pessoas, mas também com a cultura.

A peça O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá é uma parceria do iBT com a Cia Novelo que circulou pela cidade de São Paulo e recebeu um público total de 25 mil pessoas

A peça O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá é uma parceria do iBT com a Cia Novelo que circulou pela cidade de São Paulo e recebeu um público total de 25 mil pessoas

Para todas essas atividades, o Instituto está recebendo os aportes até dia 29 de dezembro. O contato pode ser feito através do site oficial ou diretamente no e-mail institucional@ibt.art. “Buscamos parcerias sólidas com empresas e indivíduos comprometidos com a cultura e a transformação social. Investir no iBT não é apenas patrocinar teatro, é contribuir para um legado cultural duradouro e significativo.” termina Vanessa.

Retrospecto transformador

Em 2022, o Instituto Brasileiro de Teatro (iBT) destacou-se ao apresentar dois espetáculos notáveis, “Diabinho e Outras Peças Curtas de Caryl Churchill” e “O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá”, reconhecidos como algumas das melhores peças do ano, com uma audiência de mais de 25.000 pessoas. O iBT também realizou sua Primeira Convocatória Pública, selecionando o projeto “FRACASSADAS BR” para receber um investimento significativo de R$500 mil reais. Além disso, o instituto adquiriu um prédio em São Paulo, planejando transformá-lo no Centro Cultural de Artes Cênicas do iBT, que atualmente está em fase de reforma.

No ano seguinte, em 2023, o iBT expandiu suas iniciativas, organizando, proporcionando o espaço e oferecendo oficinas temáticas com bolsas de auxílio aos participantes. O Instituto estabeleceu um núcleo de dramaturgia com as renomadas Silvinha Gomez e Angela Ribeiro, realizando encontros gratuitos ao longo do segundo semestre para 20 participantes, duas das quais receberão bolsas-auxílio de R$1.350,00. Em 2023, lançou seu projeto “Arena iBT” com a estreia do espetáculo “Mundaréu de Mim”, que em pouco menos de 1 mês de apresentações, foi assistido por mais de 35 mil pessoas.

A peça O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá é uma parceria do iBT com a Cia Novelo que circulou pela cidade de São Paulo e recebeu um público total de 25 mil pessoas.

A Arena iBT recebeu Mundaréu de Mim, o maior musical brasileiro ao ar livre, que levou mais de 35 mil pessoas ao Parque da Água Branca em São Paulo

Publicidade

Compartilhe

Veja também