Online e off-line: a combinação da retomada

Buscar
Background - OPL

Brand Voice

APRESENTA

Online e off-line: a combinação da retomada

Solução de Store Visits da OPL Digital permite levar usuário mobile às lojas físicas

Segundo o Índice de Performance do Varejo, em julho deste ano, a quantidade de pessoas em circulação aumentou 18,6%, nos shopping centers, e 11,5%, nas lojas físicas, em comparação com o mês anterior



28 de setembro de 2021 - 0h00

A retomada da economia ganha força. Ainda que de forma gradual e com cautela, os setores de comércio e serviços têm observado melhoras. Em julho, o fluxo de consumidores brasileiros no varejo manteve a tendência de alta. Na comparação com junho deste ano, a quantidade de pessoas em circulação aumentou 18,6%, nos shopping centers, e 11,5%, nas lojas físicas. Entre os estabelecimentos localizados exclusivamente nos centros de compras, o crescimento foi de 11,3%, enquanto o fluxo das lojas de rua subiu 5,5%. Os dados são do Índice de Performance do Varejo, organizado pela HiPartners Capital & Work em parceria com a Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo.

“Para a retomada, é ideal uma solução de mídia que combine o online e o off-line. Essa é a proposta do nosso Store Visits, que impacta a pessoa no mobile e a converte para a visita na loja física. Além do reaquecimento atual, a proximidade de datas fortes para o varejo, como Dia das Crianças, Black Friday e festas de fim de ano, exige estratégias eficazes”, afirma Rodolfo Darakdjian, CEO da OPL Digital, especializada em marketing mobile 360º de alta performance.

Do mobile para a visita na loja
Um dos impactos da pandemia foi o aceleramento do processo de digitalização da sociedade brasileira. Aumentou o uso de soluções online, sobretudo via celulares. Um bom exemplo: 7,3 milhões de brasileiros fizeram sua primeira compra online, no primeiro semestre de 2020, segundo a Ebit/Nielsen. Nesse cenário, é interessante as marcas buscarem um mix de mídia que atenda à nova realidade e potencialize suas ações, especialmente aquelas que possuem estabelecimentos físicos. A proposta do Store Visits destaca-se por ser simples e assertiva, com uso indicado para redes que tenham ao menos dez lojas físicas, pois, a partir da localização dos estabelecimentos, é determinado um raio de distância para impactar o público-alvo.

A definição desse público é feita por meio de critérios rigorosos, para que despontem clientes engajados e com elevado interesse na marca. A ampla gama de tecnologia de dados da OPL Digital possibilita uma seleção refinada, já que a empresa possui atuação global, com inventários em todos os continentes, que atingem 95% da internet. Suas plataformas próprias reúnem mais de 2 milhões de sites, aplicativos e redes sociais e mais de 140 milhões de usuários, a maioria do Brasil, com elevado poder de segmentação e assertividade.

Escolhido o público, cada usuário recebe anúncios em seu celular, nos formatos e canais definidos, a partir das várias opções oferecidas pela OPL Digital. Ao interagir com a propaganda, há o direcionamento para o endereço da loja mais próxima. Começa, então, o acompanhamento desse cliente até sua conversão, ou seja, até sua visita à loja física. “Cada marca determina o período ideal para visita, geralmente de sete a 15 dias. Também podem ser estabelecidos critérios, como tempo de permanência na loja, quantidade de visitas por loja e dia ou hora”, explica o CEO.

As estratégias do Store Visits não se restringem a vendas, lançamentos e promoções. É possível impactar quem faz certo trajeto, quem visitou determinado local ou quem buscou um assunto. Qualquer segmento com estabelecimentos físicos pode utilizá-lo, desde varejistas, como supermercados e lojas de vestuário, até o setor bancário, por exemplo. “O investimento nessa mídia é visível, pois haverá o retorno presencial do público. Focado no mobile, o grande trunfo é levar para a loja de qualquer ramo um cliente obstinado a fazer a compra, altamente qualificado e potente. Não é baseado só em geolocalização, há mais elos entre a pessoa e a marca, como hábitos e preferências”, diz Darakdjian.

O poder das segmentações
A OPL Digital possui um vasto portfólio para mídia mobile 360º, para demandas digitais e físicas, com soluções customizadas, integradas e mensuráveis. Quando combinado a outros produtos e segmentações, a potência do Store Visits é ampliada. Ele pode ser utilizado, por exemplo, junto a segmentações mais convencionais, como geolocalização e pesquisas em qualquer buscador de internet, e a segmentações diferenciadas da OPL Digital, baseadas em usuários específicos de certos aplicativos e sites, condições climáticas, eventos, resultados de jogos e lançamentos. Quanto aos produtos, há possibilidade de integrá-lo a campanhas de out-of-home, connected TV, TV e rádio sync, e áudio ads.

Assim como as demais soluções da OPL Digital, a flexibilidade comercial do Store Visits é um diferencial, com modelos baseados em cobranças por visita na loja, clique, impressão ou outra variável. “Além de oferecermos formatos variados e um cross mídia riquíssimo, o impacto e custo-benefício da solução é gigante. Também é possível fazer acompanhamento pós-visita, comparando dados de fluxo da loja e de faturamento, por exemplo”, declara o CEO da OPL Digital.

Os relatórios fornecidos são precisos, com indicadores robustos e bem delimitados junto ao contratante. São contabilizadas visitas únicas e outros parâmetros, conforme a necessidade do cliente. Todos os produtos da OPL Digital, inclusive o Store Visits, estão alinhados com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), além de serem auditados e verificados por parceiros independentes, como Nielsen e IAS, que demonstram os níveis de visibilidade dos anúncios e riscos de brand safety e de fraude. Em todas as campanhas, é garantido viewability de no mínimo 70%, auditado pela Moat e Adledge.

“Agora, é retomada total, sendo pouco provável que venham mudanças repentinas e incertas como o lockdown. As marcas encontraram estratégias e continuam anunciando, com mais força ainda nesse 2º semestre. Há clientes reestabelecendo a força e clientes novos surgindo. Quem está atento vai recuperar o tempo fechado, em alinhamento com o novo cenário digital e mobile promissor”, projeta Darakdjian.

Store Visits garante resultados promissores

Para divulgar o lançamento de sua nova linha de smartphones, um fabricante de celulares fez uso da solução Store Visits da OPL Digital. O objetivo era estimular a visita presencial de quem estivesse nas redondezas de 40 lojas próprias do fabricante, distribuídas por dez estados brasileiros, todas localizadas em grandes shoppings centers. Foi definido um público das classes A, B e C, de 18 a 65 anos, de ambos os sexos e usuários de diferentes sistemas operacionais de mobile.

O anúncio de mídia display foi exibido durante todos os dias do mês de junho de 2021, já em um cenário de aumento do fluxo presencial em lojas físicas. Foram cerca de 780 mil impressões e 2.700 cliques, com uma taxa de cliques de 0,34%. Um total de 260 mil usuários únicos foram impactados. A ação resultou em 3.500 visitas às lojas, com clientes altamente interessados nos smartphones recém-lançados. Dentro da janela de conversão proposta, o maior volume de concentração de visitas ocorreu até o terceiro dia após o impacto do anúncio, sobretudo no final de semana e na segunda-feira.

Publicidade

Compartilhe