Globo fecha pacotes de 2019 de Futebol e F1

Buscar

Mídia

Publicidade

Globo fecha pacotes de 2019 de Futebol e F1

No Futebol, Casas Bahia substitui Unilever; na Fórmula 1, todos os seis patrocinadores renovaram suas cotas: Itaipava, NET, Nivea, Renault, Santander e TIM

Alexandre Zaghi Lemos
15 de outubro de 2018 - 21h38

A Rede Globo fechou nesta segunda-feira, dia 15, os dois mais importantes pacotes comerciais da mídia brasileira, relativos às transmissões de Futebol e Fórmula 1 em 2019. No Futebol, Casas Bahia substitui Unilever; na Fórmula 1, todos os seis patrocinadores renovaram suas cotas: Itaipava, NET, Nivea, Renault, Santander e TIM.

Como Meio & Mensagem já havia informado, no pacote Futebol 2019 havia apenas uma cota em aberto, renovada pela Hypera Pharma. O plano comercial, apresentado ao mercado publicitário na última semana de agosto, contempla seis cotas de patrocínio, cada uma com valor de tabela de R$ 310 milhões, e engloba a transmissão de 95 partidas dos campeonatos nacionais, estaduais, continentais, amistosos da seleção brasileira, eliminatórias da Copa de 2022 e Copa América, que será realizada no próximo ano – além da exibição das marcas na cobertura jornalística e em outros programas da grade que mencionam os torneios esportivos. Dos seis patrocinadores atuais, cinco renovaram: Ambev (Brahma), General Motors (Chevrolet), Hypera Pharma, Vivo e Itaú. Já a Unilever, que entrou como patrocinadoras em 2018, não renovou e abriu vaga para Casas Bahia, que já havia patrocinado o Futebol da Globo em anos anteriores.

Em valores absolutos, o preço da cota do futebol 2019 da Globo é 34% superior ao da temporada 2018. É importante considerar, no entanto, que o valor cobrado neste ano foi reduzido por conta de haver um segundo pacote, focado especificamente na Copa do Mundo da Rússia. Em anos de Copa, a Globo apresenta ao mercado dois planos distintos: um da temporada tradicional de futebol e outro somente para o Mundial da Fifa. Por conta dos dois pacotes, a emissora costuma não reajustar – e, algumas vezes, até reduzir – o preço do Futebol em relação ao ano anterior. Em 2018, a Globo fixou em R$ 230 milhões a cota do pacote Futebol, ante os R$ 283 milhões da cota de 2017 (ano em que não houve Copa).

Já o pacote 2019 da Fórmula 1 tem cotas ao valor de tabela de R$ 95 milhões e foi fechado pelas mesmas seis marcas patrocinadoras de 2018: Itaipava, NET, Nivea, Renault, Santander e TIM.

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”