Nestlé lança Panela, plataforma de inovação aberta

Buscar

Nestlé lança Panela, plataforma de inovação aberta

Buscar
Publicidade

Marketing

Nestlé lança Panela, plataforma de inovação aberta

Projeto pretende consolidar a companhia no ecossistema e ser a porta de entrada para startups, universidades e pesquisadores


7 de julho de 2021 - 13h23

Na manhã desta quarta-feira, 7, a Nestlé anunciou mais um passo em sua estratégia de inovação, com o lançamento do Panela. A plataforma de inovação aberta da Nestlé tem como função ser a ponte entre o ecossistema de inovação e a companhia. O lançamento marca uma crescente na relevância que a inovação aberta e a colaboração vêm ganhando na empresa. “Muitas vezes, dentro do nosso escritório é difícil entender o mundo”, apontou Carolina Sevciuc, diretora de transformação digital, inovação e sustentabilidade da Nestlé.

 

Plataforma fará conexão entre empresa e startups (crédito: Reprodução)

Desde 2018, quando começou seus investimentos na área, a centenária empresa já se conectou com 1,4 mil startups, implementou 30 projetos em escala e testou 100 pilotos com startups. Com o Panela, a Nestlé pretende consolidar sua presença no ecossistema de inovação e ser a porta de entrada para a conexão com startups, scale-ups, universidades e pesquisadores.

O projeto herda uma lista ampla de parceiros que inclui Distrito, Endeavor, a consultoria de gestão de inovação Innoscience, a plataforma de inovação Aevo, o Nexus Startups, do Parque Tecnológico São José dos Campos, e o programa All 4 Food, que envolve universidades como USP e Unesp. O Panela já tem cinco programas rodando, com aceleração de foodtechs, iniciativas para healthtechs e projetos focados na indústria 4.0.

Nesta quarta-feira, 7, foram apresentados mais dois programas, com desafios para universidades e startups. Os interessados em participar, podem se inscrever no site. A meta da Nestlé é, até o final do ano, realizar 14 programas. Além desses projetos, a plataforma pretende ir em busca de hubs e aceleradoras para convidar startups a participarem de seu ecossistema. Em outubro do ano passado, a companhia inaugurou um Centro de Tecnologia e Inovação no Parque Tecnológico de São José dos Campos, com o objetivo de acelerar a transformação digital e a indústria 4.0.

*Crédito da foto no topo: pexels-francesco-ungaro-281260

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Haribo ancora planos de crescimento em pesquisas de mercado

    Haribo ancora planos de crescimento em pesquisas de mercado

    Estudo sobre sabores preferidos dos brasileiros ajudam a fabricante de balas traçar estratégias de lançamentos para ampliar público consumidor

  • Rebeca Andrade vira Barbie em homenagem promovida pela Mattel

    Rebeca Andrade vira Barbie em homenagem promovida pela Mattel

    Além da ginasta brasileira, marca homenageia atletas que são inspiração para as meninas de todo o mundo