IAB Brasil anuncia Marco Bebiano como presidente

Buscar

Acontece no meio

Publicidade

IAB Brasil anuncia Marco Bebiano como presidente

Nova gestão da entidade em 2020 também conta com Cristiane Camargo como diretora executiva


8 de janeiro de 2020 - 16h15

Marco Bebiano será o responsável pela gestão da entidade em 2020 (Crédito: Divulgação)

Atualizada em 09/1, às 10h52

O Interactive Advertising Bureau (IAB Brasil) terá uma nova presidência e grupo de liderança em 2020. Quem assume a frente da entidade é Marco Bebiano, diretor de negócios para bens de consumo, tecnologia e governo do Google Brasil. Na presidência do IAB Brasil, ele substituirá Ana Moisés, diretora de soluções de marketing do LinkedIn na América Latina.

Bebiano foi responsável por articular, de dentro do Google, as relações da empresa com as entidades do mercado, como a Associação Brasileira dos Anunciantes (ABA) e o próprio IAB.

Cristiane Camargo, que ocupa a função de diretora executiva do IAB, segue na posição. Também compõem a nova liderança do IAB em 2020 Alexandre Grynberg, diretor de soluções integradas da Globo; Raffael Mastrocola, CEO da Oliver na América Latina; Regina Lima, diretora jurídica sênior do Twitter para a América Latina e Fabricio Proti, managing director da Teads.

Ruptura com o Cenp
No ano passado, ainda sob a gestão de Ana Moisés, o IAB Brasil pediu sua desassociação do Conselho Executivo das Normas-Padrão (Cenp), com a justificativa de não ter direito a voto nas decisões do Conselho, “inclusive em resoluções que podem ter impacto material no setor digital”. Em documento assinado pela então presidente, Ana Moisés, o IAB expressou ao Cenp a preocupação de ver decisões “importantes e com impacto para a publicidade digital” estarem sendo discutidas “com participação limitada desse mercado”.

Como resposta, o Cenp, em uma nota assinada pelo presidente da entidade, Caio Barsotti, lamentou a saída do IAB, afirmando que, aparentemente, as decisões mais recentes da entidade teriam pautado o anúncio do Bureau. O Cenp também destacou que as matérias debatidas no Conselho sempre tiveram “participação ativa do IAB, na mais ampla e leal apresentação dos fatos a serem discutidos, o que pode ser constatado até mesmo pela simples leitura das atas que registram tais reuniões”. 

 

 

Compartilhe

  • Temas

  • cristiane camargo

  • rafael mastrocola

  • regina lima

  • fabricio protti

  • Alexandre Grynberg

  • Marco Bebiano

  • Globo

  • Twitter

  • Google

  • Teads

  • IAB Brasil

  • LinkedIn

  • Interactive Advertising Bureau

  • OLIVER

  • tecnologia

  • internet

  • digital

  • Entidades

  • Associação

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”