Natura adota novo conceito de lojas físicas

Buscar

Marketing

Publicidade

Natura adota novo conceito de lojas físicas

Primeira unidade no novo formato será inaugurada em Salvador, sob inspiração da arquitetura modernista e dos jardins de Burle Marx, e terá ponto de logística reversa

Roseani Rocha
9 de maio de 2019 - 19h19

Outras cinco lojas serão inauguradas sob o novo conceito até julho (Crédito: Ilana Bessler)

Nesta sexta-feira, 10, a Natura irá inaugurar no Shopping Barra, em Salvador, sua primeira loja física da região Nordeste, região considerada chave na estratégia de expansão nacional da empresa. Será a 38ª loja da marca, que incluiu esse modelo em seu plano de multicanalidade em 2016 e, hoje, está presente em dez estados brasileiros e no exterior, com outras nove lojas –  em Paris (3), Nova York (2), Buenos Aires (2) e Santiago (2) – além do e-commerce e da venda direta, ou “por relações”, como costuma chamar.

A proposta do novo conceito de loja, criada em parceria com o escritório Metro Arquitetos, é trazer ainda mais brasilidade e a cara da Natura ao espaço, assim como valorizar a experiência dos consumidores, ampliando sua interação com os produtos. A arquitetura modernista e os jardins do paisagista Burle Marx foram as fontes de inspiração do novo projeto.

“Usamos materiais em seu estado natural e formas orgânicas para criar um ambiente que apela a todos os sentidos, equilibrando exposição de produtos com informação e experiência”, comentou Martin Corullon, sócio do Metro Arquitetos.

Os produtos estarão distribuídos por três segmentos, pensados para permitir a experimentação. O primeiro é dedicado aos itens de cuidados pessoais, traz a linha Ekos, 100% vegana, com 90% de ingredientes naturais e ativos da biodiversidade amazônica. Outra ilha é dedicada à perfumaria, que também contém ativos brasileiros, álcool orgânico e vidro reciclado. E na terceira estão produtos de cuidados para o rosto e maquiagem. Mas a preocupação com a sustentabilidade não está apenas nos produtos, a loja também será a primeira a ter um ponto de logística reversa, no qual será possível retornar a embalagem de qualquer produto cosmético já utilizado, para ser transformada em novos frascos de produto.

Novos espaços privilegiam contato do consumidor com os produtos (Crédito: Ilana Bessler)

Ligada à natureza, mas não desligada dos novos tempos, a Natura também embarcou mais tecnologia a essa nova experiência que pretende dar aos clientes. Além de um espelho virtual na área de maquiagem que faz uma avaliação e diagnóstico de pele, sugerindo soluções de hidratação, um sistema de pagamento mobile também será utilizado, num sistema mais ágil que os caixas tradicionais. Já quem quiser fazer uma viagem pelas comunidades extrativistas da Natura, na Amazônia, poderá ter essa experiência com um óculos de realidade virtual localizado na ilha de Ekos.

Tecnologia marca presença em recursos como o espelho virtual, na área de maquiagem (Crédito: Ilana Bessler)

Segundo Paula Andrade, diretora de varejo da Natura, até o final de julho estão previstas mais cinco inaugurações sob o novo conceito: Fortaleza, Vitória, Brasília, Balneário Camboriú e Belo Horizonte. O antigo modelo permanece nas praças que já foram inauguradas e essas outras lojas serão adequadas ao novo formato aos poucos, mas a companhia diz ainda não ter previsão de quando as reformas serão iniciadas.

“No ano de 50 anos da marca, as novas lojas chegam para reforçar a história construída pela Natura, uma empresa que prioriza o uso de ativos da biodiversidade brasileira e que acredita no poder das relações”, afirma Paula, para quem a nova loja também está alinhada ao novo posicionamento institucional da marca – O Mundo É Mais Bonito Com Você – desenvolvido com sua agência Africa e colaboração do coletivo Mesa & Cadeira e da @hybrid_collab, e que vem sendo divulgado por meio de campanha criada pela Africa.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Martin Corullon

  • Paula Andrade

  • Africa

  • Natura

  • Mesa & Cadeira

  • hybrid_collab

  • Metro Arquitetos

  • Shopping Barra

  • Ekos

  • varejo

  • Beleza

  • omnichannel

  • multicanalidade

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”