Exposição revê 50 anos da mídia no Brasil

Buscar

Mídia

Publicidade

Exposição revê 50 anos da mídia no Brasil

Mostra celebra aniversário do Grupo de Mídia, revendo a evolução tecnológica da comunicação de 1968 até hoje

Salvador Strano
24 de outubro de 2018 - 16h05

O Grupo de Mídia de São Paulo abre nessa sexta-feira, 26, uma exposição em comemoração aos 50 anos da entidade. A mostra “50 Anos de Mídia no Brasil” narra a evolução tecnológica das plataformas e veículos e do conteúdo produzido no País, de 1968 até os dias atuais.

 

Paulo Sant’Anna, presidente do Grupo de Mídia (Crédito: Flávio Santana/Divulgação)

Com curadoria de José Bonifácio Sobrinho (Boni), sócio fundador da TV Vanguarda, e Thomas Souto Correa, vice-presidente do concelho editorial do Grupo Abril, as peças podem ser vistas pelo público até fevereiro no Unibes Cultural, espaço na zona oeste da capital paulista. A cenografia da exposição foi realizada pela Caselúdico, mesma empresa responsável por montagens que foram sucesso de público, como “Rá-Tim-Bum, o Castelo”.

O visitante poderá rever cinco diferentes fases do cenário midiático brasileiro, divididas em períodos de dez anos: Massificação das Mídias; O Brasil via Embratel; Quantidade e Qualidade; A Internet Veio para Ficar e A Era Digital.

A montagem traz produções editorias dos veículos e peças publicitárias que marcaram época. “Da mesma maneira que a gente lembra do conteúdo desse período — do ponto de vista de séries, novelas, telejornais e revistas —, temos também grandes propagandas. Isso foi tratado na exposição, temos peças do período que viraram comerciais icônicos”, afirma Paulo Sant’Anna, presidente do Grupo de Mídia.

 

*Crédito da imagem no topo: Flávio Santana/Divulgação

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Boni

  • Paulo Sant'Anna

  • Grupo de Mídia

  • Thomas Souto Correa

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”