Investimento no digital chega a R$ 30,2 bilhões

Buscar
Publicidade

Mídia

Investimento no digital chega a R$ 30,2 bilhões

Serviços e comércios seguem sendo os setores que mais apostam na publicidade em mídia digital, de acordo com Digital AdSpend 2021, do IAB Brasil


1 de julho de 2022 - 6h00

Assim como em 2020, o investimento de anunciantes em mídia digital seguiu em crescimento em 2021. Segundo o Digital AdSpend 2021, estudo realizado pelo IAB em parceria com a Kantar Ibope Media, ao todo, R$ 30,2 bilhões foram investidos em publicidade digital no ano anterior, um aumento de 27% em relação a 2020.

 

O Brasil é o terceiro lugar no ranking de populações que passam mais tempo em redes sociais, segundo o Digital 2022 Global Overview Report (crédito: Panitanphoto/Shuttestock)

Mobile representa 76% do share de dispositivos (Crédito: Panitanphoto/Shuttestock)

O período também registrou um crescimento de 30% no número de anunciantes digitais. O setor que mais contribuiu para essa elevação foi o de casa e decoração, que teve 83% mais anunciantes em relação a 2021, seguido de bens e serviços industriais (79%), minas e energia (69%), construção (59%), telecomunicações (53%), comércio (47%), escritório e papelaria (46%), higiene e beleza (42%) e higiene doméstica (41%).

Os segmentos que aumentaram enquanto clientes podem ter sido casa e decoração e bens e serviços industriais, mas as categorias que mais investiram em publicidade digital foram serviços (26%) e comércio (24%), representando metade do investimento total de 2021.

Plataformas e formatos

A redes sociais foram o destino de 54% do montante de investimento. Segundo o relatório, o aumento da participação de mobile no share de dispositivos — alcançando 76% –também contribui para o aumento das apostas em redes sociais.

Entre os formados, vídeo foi predominante. Recebeu 37% dos investimentos, principalmente do setor de serviços, comércio, financeiro, telecomunicações e eletrônicos e informática.

Imagem (banners, headers, gifs etc) recebeu investimentos de serviços, comércio, financeiro, telecomunicação e mídia, totalizando 33% do investido.

Já os anúncios em sites de busca (30%) foram os formatos eleitos pelo comércio, serviços, eletrônicos e informática, financeiro e turismo.

Publicidade

Compartilhe

Veja também