McDonald’s volta atrás em ação de logo separado

Buscar
Publicidade

Comunicação

McDonald’s volta atrás em ação de logo separado

Determinação da matriz nos EUA interrompe ação no Brasil, onde os arcos dourados haviam sido separados para apoiar o isolamento social durante a pandemia

Isabella Lessa
27 de março de 2020 - 10h11

O McDonald’s Brasil removeu as imagens do arco dourado separado de suas redes sociais. Uma semana após a estreia da ação, que fala da importância do distanciamento social durante a pandemia do novo coronavírus, a marca voltou atrás após determinação da matriz nos Estados Unidos.

Além do logo temporário, a campanha criada pela DPZ&T trazia a mensagem “separados por um momento para estarmos sempre juntos”, refletindo a decisão da rede de fechar os salões de todos os seus restaurantes no País. Por enquanto, as lojas da marca estão oferecendo os serviços de retirada, drive-thru e delivery.

A comunicação repercutiu internacionalmente e foi divulgada pelo Ad Age. O senador Bernie Sanders, candidato à presidência dos EUA, tuitou a matéria publicada pelo site, dizendo que o McDonald’s deveria pagar licença médica aos seus funcionários norte-americanos.

O McDonald’s Brasil enviou o seguinte comunicado ao Meio & Mensagem: “A empresa informa que a imagem dos arcos separados foi criada para a comunicação do fechamento de seus salões no Brasil e para destacar a importância do distanciamento social neste momento. Foi uma ação bem recebida pelo público brasileiro. A partir dessa semana, atualizamos a comunicação para falar do delivery e drive-thru“.

Um post na conta do Instagram da marca mostrava um vídeo dos arcos se separando. A peça foi substituída por uma outra animação, que promove o drive-thru e o delivery da rede.

Publicidade

Compartilhe

Veja também