Marcela Rezende é a nova VP de marketing da MadeiraMadeira

Buscar
background - acontece no meio

Gente

Publicidade

Marcela Rezende é a nova VP de marketing da MadeiraMadeira

A profissional vem da Alpargatas e, no novo cargo, tem como função amplificar a mensagem da MadeiraMadeira

Giovana Oréfice
22 de junho de 2021 - 17h07

Além de atuar em marketing, Marcela Rezende é investidora (Crédito: Divulgação)

A MadeiraMadeira, um dos unicórnios brasileiros, acaba de anunciar a chegada de Marcela Rezende como nova vice-presidente de marketing. Ela deixa o posto de diretora de marketing na Alpargatas para assumir a função de ampliar a mensagem e contribuir para a humanização da comunicação da MadeiraMadeira junto aos consumidores. “O marketing genuíno e verdadeiro é fundamental nas construções. Trazer a real essência do business e o storytelling é algo poderoso”, aponta a executiva. “É importante hoje em dia entender que as marcas precisam se conectar com as pessoas e para isso existe essa questão da humanização para gerar empatia”, acrescenta. 

Com formação em comunicação social e marketing pela ESPM e pós-graduação em liderança, administração e gestão empresarial pela Harvard University, Rezende trabalhou na Bacardi como global brand director em Nova York, nos Estados Unidos.  Ela já atuou também como diretora de marketing da Mac Cosmetics para a América Latina, na The Estée Lauder Companies e, anteriormente, passou dez anos na L’Oréal.  Ela também é investidora na MeetHub e Lastlink, e partner na Noeh Baby Shoes e Minimal Club.  

Como vice-presidente na MadeiraMadeira, Marcela aponta que pretende aumentar os pontos de contato com os clientes, que têm mais poder nas mãos devido ao avanço da tecnologia e toda questão omnichannel presente nos negócios. “Sempre foi um drive muito forte como profissional buscar quais são as dores do cliente para responder, e hoje isso vira ponto fundamental em qualquer business”, diz. “Eu fiz uma migração para uma empresa da nova economia e acho que isso vai ser muito complementar para minha carreira”, completa sobre ter a oportunidade de trabalhar em uma indústria que já nasceu digital. Além disso, ela reforça a crença na liderança feminina como instrumento em seu trabalho.

*Crédito da imagem no topo: Background metamorworks/iStock

Compartilhe