Grupo Arezzo anuncia aquisição do Grupo Reserva

Buscar

Marketing

Publicidade

Grupo Arezzo anuncia aquisição do Grupo Reserva

Grife carioca foi avaliada em R$ 750 milhões e, com ela, Arezzo amplia atuação em moda, ingressando em vestuário masculino, feminino e infantil

Roseani Rocha
23 de outubro de 2020 - 10h02

Rony Meisler, fundador da Reserva, em comunicação sobre evento do setor (Crédito: Reprodução site Reserva)

Em fato relevante publicado na manhã desta sexta-feira, 23, o Grupo Arezzo – dono das marcas Arezzo, Alexandre Birman, Schutz, Anacapri, Alme e Fiever, todas de calçados e bolsas, além de representar no Brasil a Vans, também de calçado – anuncia “Acordo de Associação”, com o Grupo Reserva, grife carioca, dona das marcas de roupas Reserva, Eva, Reserva Mini, Ahlma e Oficina Reserva.

Segundo o comunicado, em reunião realizada ontem o Conselho de Administração da Arezzo aprovou o acordo que combinará os negócios de forma que a Arezzo passa a ser detentora direta do total das ações de emissão das duas empresas que constituem a reserva (Vamoquevamo Empreendimentos e Participações S.A. e Tiferet Comércio de Roupas Ltda.) e, por outro lado, os acionistas da Reserva recebem “recebam uma parcela em  dinheiro e participação societária  na  Companhia  correspondente  a aproximadamente 8,7% do capital social total da Arezzo”.

O documento afirma, ainda, que a Reserva foi avaliada em R$ 715 milhões e sua aquisição pelo Grupo Arezzo visa a complementação de negócios no setor de moda e varejo, ampliação da oferta de produtos e expansão de marcas, ao buscar se consolidar como uma ‘house of brands”. Assim, a Arezzo passa a incorporar as marcas Reserva, Reserva Mini, Oficina Reserva, Reserva Go, INK e EVA, ampliando sua atuação para moda masculina, feminina e infantil, o que deve ampliar em 3,5 vezes seu mercado.

Por ora, o acordo prevê que o fundador Rony Meisler e os sócios minoritários da Reserva, Fernando Sigal, Jayme Nigri e José Alberto da Silva, continuem na administração da operação, atuando na “AR&Co”, braço exclusivamente dedicado a vestuário e estilo de vida do Grupo Arezzo & Co.  A empresa destaca nessa frente a maximização de competências digitais e tecnologia e a atenção a critérios relacionados a meio ambiente, questões sociais e governança.

O acordo está sujeito à aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

 

Publicidade

Compartilhe