Economist faz perfil do império Facebook

Buscar

Mídia

Publicidade

Economist faz perfil do império Facebook

Especial apresenta números detalhados de operação global do gigante da tecnologia


12 de abril de 2016 - 9h07

graficos_Facebook_Economist01

Receita com publicidade mobile, em bilhões de dólares

Em sua edição que começou a circular no sábado, 9, a Economist publicou um profundo perfil do Facebook, rede social que afirma ter 1,6 bilhão de usuários no mundo. A reportagem detalha como a assiduidade de uso da plataforma e suas ferramentas de big data a tornaram segunda maior empresa de publicidade do mundo em dispositivos móveis (veja ao decorrer desta nota alguns números publicados pela revista em seu original, em inglês).

A multinacional, que também é proprietária de produtos como a rede social de imagens Instagram, o mensageiro instantâneo WhatsApp e o dispositivo de realidade virtual Oculus Rift, afirma ter 19% dos US$ 70 bilhões investidos anualmente em publicidade móvel no mundo – em contrapartida, o Twitter tem cerca de 2,5%. Segundo a reportagem, o público médio americano gasta 30% do seu tempo em internet móvel no Facebook, enquanto o Google Search e o YouTube, combinados, atraem 11% do tempo de navegação mobile.

graficos_Facebook_Economist03

Receita média do Facebook por usuário, em dólares

Um dos ganchos da reportagem é a capitalização recorde que a empresa teve na semana passada, quando chegou ao valor de mercado de US$ 325 bilhões. Retratado na capa da revista como um imperador romano em seu trono, o CEO Mark Zuckerberg quer conquistar ainda mais gente oferecendo maior diversidade de produtos dentro da plataforma.

Segundo uma pesquisa divulgada pela Economist, a maioria dos americanos fica o equivalente a dois dias completos de trabalho por mês no Facebook. A plataforma tem criado mais soluções para as pessoas voltarem a compartilhar conteúdo pessoal na rede, que vinha sendo preterida por publicações de links e conteúdos de terceiros. Nesta semana, a rede social pode anunciar ainda novos planos de transição do serviço
Messenger para um portal com uma diversidade de serviços.

 

graficos_Facebook_Economist04

Receita trimestral, em bilhões de dólares

 

graficos_Facebook_Economist02

Usuários ativos do Facebook por mês, em bilhões (sinalizados com marcos históricos da plataforma)

 

 

 

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Mark Zuckerberg

  • facebook

  • Twitter

  • Google

  • Economist

  • WhatsApp

  • Instagram

  • Oculus Rift

  • Messenger

  • Publicidade

  • internet

  • digital

  • Redes Sociais

  • Mobile