CNN Brasil abre sede provisória em São Paulo

Buscar

Mídia

Publicidade

CNN Brasil abre sede provisória em São Paulo

Canal de notícias já conta com 65 colaboradores que preparam o lançamento oficial da programação, que deve acontecer no segundo semestre

Bárbara Sacchitiello
7 de maio de 2019 - 11h49

Sede temporária do canal em São Paulo pode receber até 150 profissionais (Crédito: Divulgação)

A operação nacional da CNN já teve início, em uma sede provisória, localizada em São Paulo. Em comunicado divulgado à imprensa, o canal de notícias anunciou que o espaço temporário já começa a receber os primeiros profissionais contratados com o objetivo de colocar no ar a nova emissora de TV por assinatura.

De acordo com o comunicado, o espaço de transição – localizado na Alameda Santos, em São Paulo – já abriga 65 profissionais contratados e tem capacidade para receber até 150 pessoas. Após esse período inicial, toda a operação da CNN irá se mudar para um endereço na Avenida Paulista, região dos Jardins, em São Paulo.

O canal deve iniciar suas operações no segundo semestre de 2019 e, além da sede em São Paulo, também terá escritórios no Rio de Janeiro e em Brasília. A operação da CNN Brasil é comandada pelo CEO Douglas Tavolaro, que deixou a Record TV no início do ano para se dedicar ao projeto.

O canal já contratou alguns executivos para compor sua equipe de liderança. A área comercial da emissora ficará a cargo de Marcus Vinicius Chisco, que passou os últimos 20 anos na Record TV. Já Maura Martines (ex-Predicta) assumirá a função de diretora de inteligência de mercado enquanto Américo Martins foi anunciado como o vice-presidente de conteúdo da CNN Brasil.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • TV Paga

  • Notícias

  • jornalismo

  • Douglas Tavolaro

  • CNN Brasil

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”