Record amplia jornalismo na grade da TV e demais telas

Buscar

Mídia

Publicidade

Record amplia jornalismo na grade da TV e demais telas

Emissora anuncia a extensão do Jornal da Record, que ganha quatro boletins de 10 minutos diariamente; Bradesco é o primeiro patrocinador do projeto

Bárbara Sacchitiello
5 de setembro de 2019 - 16h25

Sergio Aguiar e Janine Borba (à esq.) comandarão os boletins diários do Jornal da Record, enquanto Adriana Araújo e Celso Freitas continuam na bancada da edição tradicional do telejornal (Crédito: Edu Moraes/RecordTV)

A partir da próxima segunda-feira, 9, a RecordTV terá em sua grade diárias 14 horas de jornalismo ao vivo. O acréscimo acontecerá pela inserção de quatro outras edições do Jornal da Record, com 10 minutos de duração cada, que serão distribuídas na grade da seguinte forma: uma pela manhã, duas no período da tarde e a última no início da madrugada. A edição tradicional do programa continua indo ao ar Às 21h30.

De acordo com a emissora, que apresentou o novo projeto de jornalismo nesta quinta-feira, 3, em São Paulo, a ampliação das notícias em sua grade têm a proposta de gerar mais interatividade com o espectador, em diferentes plataformas. “Queremos colocar o espectador dentro de nossa reunião de pauta e na mesa da redação, com as pessoas participando das notícias via redes sociais, Play Plus, Record News e pela grade da Record. Em 2011 demos um primeiro passo na construção do jornalismo multiplataforma com o Jornal da Record News, em que Heródoto Barbeiro entrava no ar, pela internet, 15 minutos antes do jornal iniciar na TV e também interagia com o público pela web nos intervalos. Desde então, estamos consolidando essa presença multiplataforma”, comenta Antonio Guerreiro, que assumiu a vice-presidência de Jornalismo da Record em janeiro deste ano, após uma década de trabalho na emissora.

Ao dizer que quer levar o jornalismo para todas as telas com as quais a emissora interage, Guerreiro explica que a emissora não pretende apenas distribuir seu conteúdo em diferentes telas, mas sim produzi-lo e adaptá-lo de acordo com as especificidades de cada meio. “Faremos conteúdo específico para cada plataforma Teremos um Jornal da Record nos Stories do Instagram, outro em forma de posts no Twitter e outro para quem acessar a página do jornal pelo R7. Quem acessar o conteúdo, em qualquer tela, terá um telejornal mais vibrante”, promete Guerreiro.

Os boletins serão apresentados por Janine Ribeiro e Sergio Aguiar, enquanto a edição diária noturna do Jornal da Record continua sob o comando de Adriana Araújo e Celso Freitas.

Patrocínio
Para o novo projeto do Jornal da Record, a área comercial da emissora criou duas cotas de patrocínio. A primeira delas já foi adquirida pelo Bradesco, que passa a exibir a marca na edição tradicional do Jornal da Record, nos quatro boletins diários e em toda a distribuição de conteúdo do programa no digital e mídias sociais. “Pedimos quase meio bilhão de reais, como preço de tabela, a cada um dos patrocinadores, por um período de um ano. O País vive um momento de dificuldades, mas temos plena consciência de que o Brasil vai dar certo. Precisamos acreditar em nosso negócio. A coisa mais importante que temos na TV, em termos de comunicação, é o jornalismo”, defendeu Walter Zagari, vice-presidente comercial da RecordTV. De acordo com o executivo, a emissora está em negociação para definir o segundo patrocinador do projeto.

Publicidade

Compartilhe