Temer planeja fechar a TV Brasil

Buscar
Publicidade

Últimas notícias

Temer planeja fechar a TV Brasil

Além disso, o presidente interino deve reduzir a atuação da EBC


17 de junho de 2016 - 9h57

A Empresa Brasil de Comunicação (EBC), que é controlada pela União, pode ver seu braço público de rádio e TV, a TV Brasil, ser extinta. Segundo informações da Folha de S.Paulo, o presidente interino Michel Temer deve enviar ao Congresso um Projeto de Lei que reduz a atuação da EBC.

Neste ano, os custos da empresa, que depende diretamente dos recursos do Tesouro, podem chegar a R$ 535 milhões, sendo que, pelo menos metade desse valor, é consumido pela folha salarial.

Segundo apuração da Folha, a mudança na Lei permitirá o fim do conselho curador, além de prever o fim do mandato para o presidente, que poderá ser destituído a qualquer momento. Atualmente, uma decisão desse tipo requer o aval do conselho curador, que é formado por 22 integrantes com mandatos de dois anos. Caso aprovada, a lei afastará de maneira definitiva o atual presidente da EBC, Ricardo Melo, que foi indicado ao cargo pela presidente Dilmas Rousseff.

Na segunda quinzena de maio, Michel Temer havia destituído Ricardo Melo, que entrou com um recurso e teve seu retorno autorizado provisoriamente até que o plenário tomasse uma decisão definitiva.

Em 2007, a empresa foi criada com um intuito de ser a “BBC brasileira” com a missão de fazer comunicação apartidária em diversas plataformas. Nesses 9 anos, a EBC já consumiu R$ 2,6 bilhões do Tesouro Nacional, o número de funcionários passou de 1.462 para 2.564 e os custos de produção saltaram de RS 61 milhões para R$ 236,5 milhões.

Publicidade

Compartilhe

Comente