Facebook pode criar feed secundário para fanpages

Buscar
Publicidade

Últimas notícias

Facebook pode criar feed secundário para fanpages

Rede social estaria fazendo testes para isolar as mensagens não patrocinadas da timeline, privilegiando apenas as postagens de amigos e os anúncios pagos


24 de outubro de 2017 - 19h07

Nova medida deixaria as mensagens não-patrocinadas de marcas e empresas em segundo plano (Crédito: Reprodução)

O Facebook está em fase de testes de uma nova organização seu feed de notícias que poderia resultar em impactos devastadores para marcas e publishers que utilizam sua plataforma para levar suas mensagens ao público. De acordo com reportagem do portal The Drum, a rede social pode, em breve, deixar de distribuir organicamente os posts de páginas que não forem promovidos (ou seja, que não pagarem ao Facebook pela sua distribuição), relegando-os a um feed secundário.

De acordo com informações do portal, a ideia é de que cada usuário continue recebendo normalmente as mensagens de amigos e as postagens patrocinadas em sua timeline. Já as postagens de páginas comerciais que não forem promovidas cairão em uma espécie de feed secundário, sem a distribuição direta aos usuários.

Os testes para essa nova organização do feed estariam sendo realizados em seis países. Segundo a reportagem, o Dennik N, um jornal da Eslováquia, já relatou que seu alcance orgânico diminuiu dois terços de um dia para outro, o que pode representar que a companhia vem realizando os testes naquele país. As demais páginas de grandes companhias da Eslováquia também relataram uma queda no alcance orgânico das mensagens no período.

Para explicar o raciocínio, o Facebook declarou: com várias possibilidades de histórias no feed de cada pessoa, sempre trabalhamos para conectar pessoas com os posts que têm mais significado para ela. Os usuários nos disseram que desejam ver com mais facilidades os posts de amigos e familiares, então, estamos testando dois feeds separados, sendo um dedicado às mensagens de amigos e familiares e outro, como um espaço dedicado às postagens de Fanpages.

A rede social avisou, entretanto, que não pretende aplicar as medidas aos usuários de todo o mundo. A notícia do The Drum surge no mesmo dia em que a rede social divulgou a atualização do guia para orientar os publishers a se comunicarem em sua plataforma.

Publicidade

Compartilhe

Comente