E o futuro do passado virou presente

Buscar

E o futuro do passado virou presente

Buscar
Publicidade

Marketing

E o futuro do passado virou presente

Preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem:


20 de outubro de 2015 - 8h09

Em 1985, o clássico “De volta para o Futuro” mostra a viagem no tempo do personagem Marty McFly que aparece nos dias atuais, mais precisamente em 2015, por meio de uma máquina do tempo construída pelo cientista Doutor Brown.

O emblemático 21 de outubro de 2015, retratado no filme, chegou e mostra que a realidade superou a ficção em termos de tecnologia. Algumas são indispensáveis para a vida moderna como os sistemas de pagamento, outras, nem tão populares como os óculos multifuncionais, mas, a maioria já faz parte da cultura moderna. 

Drones

No filme, aviões filmam pessoas a quilômetros de distância. Atualmente, os drones dão conta de filmagens, fotos, monitoramento de propriedades e até de entregas, algo que vem sendo testado pela Amazon.

wraps

Câmeras Compactas

As câmeras fotográficas compactas foram mostradas na película. Atualmente, além de compactas, elas acompanham pessoas até mesmo nas mais inesperadas altitudes, assim como fez a Red Bull utilizando uma GoPro.
 

Cine 3D

O cinema não só ganhou sua versão em 3D, como retratou o filme, mas já tem versões 4D e IMAX com uma capacidade de proporcionar sensações como cheiro e temperatura.
 

Conversando com as máquinas

O comando de voz foi outra tecnologia prevista por "De Volta para o Futuro”, hoje, as máquinas já interagem com humanos, seja por meio do Google Now, do Google, Siri, da Apple ou Cortana, da Microsoft.
 

Games sem controle

O Kinect, da Microsoft, não permite apenas jogar com os movimentos, mas consegue, inclusive, indentificar quais os músculos uma pessoa mais usa, algo um pouco mais sofisticado do que viu Marty McFly.
 

Biometria

No 2015 do filme, as chaves são coisas ultrapassadas, não necessariamente acontece o mesmo hoje, mas a biometria é uma realidade principalmente para identificação bancária e no acesso de edíficios e residências.
 

Telas planas

Elas não só existem como revolucionaram a maneira como assistimos televisão. Também retratadas na película as telas planas já estão na versão Oled.
 

Tablets

O iPad chegou em 2010 e com ele uma nova forma de se consumir jornais e revistas. Não fez tanto sucesso como se esperava, mas seu uso só cresce no Brasil. Neste ano, a Apple anunciou a nova versão do iPad, o modelo Pro.
 

Videoconferências

Para que se deslocar para uma reunião? Em uma mesma sala se reunem pessoas de todo o planeta. As videoconferências já são utilizadas em grande parte das empresas. O Skype foi um divisor de águas para que isso se tornasse realidade.
 

Meios de pagamento

Maquininhas? Coisa do passado. Os sistemas de meio de pagamento evoluem em uma velocidade incrivel para um dia em que nem cartões existirão. Exemplos são Apple Pay, Google Wallet e Pay Pal
 

Google Glass

Por fim, os óculos inteligentes, na atualidade, eles não são tão populares como no filme, mas já existem.
 

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Maria Gadú e Pretinho da Serrinha compõem música para Elo

    Maria Gadú e Pretinho da Serrinha compõem música para Elo

    Marca apresenta faixa Sou Elo em campanha também protagonizada por Miguelzinho e criada pela AlmapBBDO

  • Eurocopa terá patrocínio de casa de aposta pela primeira vez

    Eurocopa terá patrocínio de casa de aposta pela primeira vez

    A Betano será patrocinadora Global da competição em 2024 e promoverá experiências