Adage destaca Diario do Comerccio no cado Osama

Buscar

Adage destaca Diario do Comerccio no cado Osama

Buscar
Publicidade

Mídia

Adage destaca Diario do Comerccio no cado Osama

Publicação elege as melhores manchetes e capas sobre a morte de Bin Laden


4 de maio de 2011 - 11h44

O homem mais procurado do mundo morreu e se tornou uma das figurais mais retratadas nas capas de jornais de todo o planeta. O assassinato de Osama Bin Laden, confirmado pelo governo norte-americano na noite do último domingo, 1º de maio (e já madrugada de segunda-feira 2, no horário de Brasília), vem sendo o principal assunto da cena e rendeu capas histórias não apenas no território norte-americano, mas também na mídia de todo o planeta.

Por conta disso, o Advertising Age fez uma reportagem mostrando como a mídia impressa noticiou a morte de Bin Laden. Segundo a publicação, o fato de boa parte do planeta ter recebido a notícia quando as edições de segunda-feira dos jornais já estavam fechadas concedeu um maior tempo para que as capas de terça-feira, 3 de maio, foram produzidas com maior criatividade e atenção.

O AdAge selecionou algumas das capas mais emblemáticas sobre a morte de Bin Laden e, entre elas, está destacada a página frontal do Diário do Comércio, de São Paulo.

O texto do Advertising Age descreve a capa como criativa, explicando que o jornal soletrou a palavra Obama, nas cores azul e vermelha, colocando dois dedos fazendo o “V” da vitória sobre a letra “A”. No parágrafo, o Advertsing Age fala um pouco mais da cobertura da mídia brasileira, dizendo que outros jornais e manchetes questionavam sobre o possível sucessor de Bin Laden na Al Qaeda e afirmando, também, que o assunto gerou muita repercussão no Twitter: “Brasileiros amam Twitter” diz o texto do Advertising Age.

Veja como a publicação analisou outras capas sobre a morte de Bin Laden:

wraps

O jornal italiano La Stampa, de Turin, usou duas fotos bem impactantes do chamado “marco zero”, local que abrigava as torres Gêmeas do World Trade Center, destruídas no atentado de 11 de setembro. A primeira imagem mostra a destruição do local no dia do ataque e, a outra, mostra o povo norte-americano celebrando a morte de Osama.

wraps

No Reino Unido, o Times e The Guardian dedicaram suas capas a Bin Lades. O Times estampou a manchete “Justice has done” (A justiça foi feita), enquanto o The Guardian usou a frase “U.S. gets him man – but how could he hide for so long?” (Os Estados Unidos pegam seu home – mas como ele pode durar tanto tempo?). O Daily Mail foi mais sanguinário, com a manchete “Obama watched Bin Laden Die on Live Video” (Obama assistiu a morte de Bin Laden ao vivo) e o tabloide The Sun brincou com o título “Bin Bagged” (algo como Bin ensacado), com a imagem de diversos sacos de lixo.

wraps

O diário equatoriano El Universo estampou uma escultura de areia com a cabeça de Osama Bin Laden, como se fosse uma das páginas de um livro, ilustrada com a frase “The end”. A escultura foi feita por um artista de Puri, uma praia da India. A foto é complementada com a frase “Bin Laden, lanzado al mar” (Bin Laden, lançado ao mar).

wraps

O Irã mostrou um entendimento diferente da história. A manchete do Iran Daily dizia somente “Osama Killed in U.S. Attack” (Osama é morto em ataque norte-americano). O texto é bem duro com a política norte americana: Com a morte do chefe da Al Qaeda, Osama Bin Laden, as forças estrangeiras não tem mais desculpa para enviar soldados para a região sob o pretexto americano da chamada Guerra ao Terror”.

wraps

Na Africa, o Namibian, destacou, entre outras fotos, uma imagem que está circulando na internet e que seria, supostamente, o rosto de Bin Laden já morto com o tiro.

wraps

O China Daily estampou uma foto da comemoração na Times Square com a manchete “Battle is Not Over” (A batalha não acabou).

wraps

Na India, o Telegraph, de Calcuta, apresentou uma tipografia de “Morto ou Vivo”, com uma tarja vermelha riscando a palavra “Vivo”.

wraps

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Anunciantes e Kantar criam novo player de medição de audiência nos EUA

    Anunciantes e Kantar criam novo player de medição de audiência nos EUA

    Chamada de Aquila, plataforma é fruto de coalização entre Associação dos Anunciantes, Kantar, Meta, Amazon e TikTok

  • Pinterest lança ferramentas de IA para criativos e performance

    Pinterest lança ferramentas de IA para criativos e performance

    Recursos estão sob guarda-chuva do Pinterest Ad Labs, novo programa de inovação da plataforma para marcas selecionadas testarem os protótipos