DE 26 A 29 DE FEVEREIRO DE 2024 I BARCELONA – ESP

Opinião

As fintechs e a criação de possibilidades de marketing

Crescimento dos aplicativos de fintechs abre possibilidades para o marketing mobile


3 de março de 2023 - 18h08

Crédito: Shutterstock

Atualmente, o Brasil possui 1.289 fintechs, segundo a ABFintechs (Associação Brasileira de Fintechs). Por isso, o alcance dessas empresas é enorme, assim como o dos seus aplicativos. Dados da Apptopia revelam que os apps de fintechs registraram um crescimento expressivo em 2022 e os brasileiros adotaram rapidamente esses aplicativos. Essa tendência se iniciou a partir da pandemia de covid-19, pois a população começou a utilizar mais os pagamentos digitais, já que se encontrava impossibilitada de ir às agências bancárias.

Apenas na Geração Z, composta por nascidos entre 1997 e 2012, 51% escolheram uma fintech como sua instituição financeira mais confiável. Este dado mostra a importância deste mercado no cenário atual.

A população da América Latina sempre teve alto índice de desbancarizados, mas esse número vem apresentando uma redução nos últimos anos. Dados da Comscore mostram que o Brasil lidera a digitalização bancária na América Latina desde 2021, à frente de Chile, Argentina, Colômbia, México e Peru. Os brasileiros se adaptaram à nova realidade tecnológica e, hoje em dia, a maioria realiza todos os serviços bancários por meio dos apps ou pelo internet banking.

Diante desta realidade, as empresas precisam investir na infraestrutura de seus aplicativos e na experiência do usuário (UX), com diversas funcionalidades, serviços personalizados, fácil manuseio, interatividade, além de velocidade e um bom serviço de atendimento ao cliente.

Uma estratégia utilizada ao redor do mundo em UX e também associada à retenção de clientes é a gamificação dos apps, pois auxilia no aprendizado e na fixação de informações sobre o produto ou serviço, sendo possível medir o impacto dessas ações com a ajuda de uma plataforma de análise. Com isso, os profissionais de marketing podem rastrear cliques, instalações e momentos-chaves de engajamento, o que possibilita determinar o momento correto para inserir elementos gamificados.

Para a área de marketing há um mundo de possibilidades que pode ser explorado para reter os usuários, e tomar decisões com base em dados é essencial para o sucesso da sua ação e aproveitamento das melhores oportunidades. Uma das formas de obter essas informações é utilizando uma MMP (Mobile Measurement Partner), pois ela fornece transparência e visibilidade do comportamento dos usuários, como eventos que eles interagem, fluxos de usabilidade com os quais eles têm contato ou até mesmo se ele representará uma conversão. Com esses dados à disposição, as marcas conseguem tomar decisões mais assertivas e as empresas que investirem em plataformas de análise de dados irão se sobressair neste mercado.

A partir disso, terão insights de quais ações devem ser tomadas para melhorar o seu ROI, ou Retorno Sobre Investimento, e o LTV (Lifetime Value), estimativa da receita média que um cliente irá gerar ao longo de sua vida como cliente.

Para que estas práticas sejam cada vez mais comuns no nosso mercado interno, os profissionais devem ficar de olho em quais ações são tomadas lá fora e que podem ser replicadas localmente para expandir o grande potencial do mercado mobile brasileiro.

Publicidade

Compartilhe

Veja também